TEMPO

Versão para impressão
Tentativa de parar o relógio

Andreia está sem tempo pra nada, muita correria.

Andreia teve aquele dia que tudo deu errado; Estudos, trabalho, namorado, vestido… tudo. De forma caricata, mostra a necessidade (prioridade) de dedicar um tempo com Deus.

 

I CENA

 

Jovem entra apressado

 

ANDREIA: Me dá licença que estou atrasada.

MÃE: Calma, Andreia, sente-se ao menos para tomar café

ANDREIA: Mãe não dá eu estou muito atrasada, tenho prova na 1ª aula.

MÃE: Pelo menos já fez seu devocional ?

ANDREIA: Mãe, eu não tive e nem tenho tempo pra isso, depois a gente se fala. Tchau.

 

 

II CENA

 

Jovem entra com um ponto de ônibus nas costas

Andreia entra calada com a cara fechada e joga a mochila.

PAI: O que foi filha, por que todo esse nervosismo ?

ANDREIA: Ah, pai, hoje deu tudo errado no meu dia, 1º acordei atrasada e tive que sair correndo para não perder a 1ª aula na qual eu tinha uma prova.

PAI: Ao menos chegou no horário ?

ANDREIA: Cheguei, é pelo menos isso.

PAI: Então filha, isso quer dizer que não foi tão ruim assim.

ANDREIA: É pai só que, na sala de aula as outras meninas estavam colando; jogando papel uma para as outras, quando um desses caiu na minha carteira exatamente na hora que o professor estava passando. Ele simplesmente tomou a minha prova e me deu zero.

PAI: Mas minha filha...

ANDREIA: Não, mas não parou por aí; Chegando no meu trabalho, eu tinha uma pilha de serviço com um bilhete escrito urgente e o meu chefe me manda ao banco, fiquei mais de 2h na fila e quando cheguei no caixa o cheque estava sem assinar, eu queria morrer.

 

(NESTE MOMENTO ENTRA A MÃE)

 

MÃE: Andreia, minha filha, eu tenho uma boa e uma má notícia pra você.

ANDREIA: Me dá a boa, pois não aguento mais nada hoje.

MÃE: Eu não passei aquele vestido que você tanto gosta.

ANDREIA: Isso a senhora chama de boa notícia ? Boa pra senhora que não passou, e a má é que vou ter que passar, tudo bem... busca ele que eu mesma passo.

MÃE: Você quer mesmo usar aquele vestido ?

ANDREIA: Claro, eu prometi para o Everaldo que iria usar hoje, mas também só tenho esse pra ir nesse jantar.

MÃE: Já que você insiste, vou buscá-lo.

ANDREIA: Por falar em sair, o senhor vai emprestar o carro, o senhor prometeu.

PAI: Não vai dar, quando estava chegando perto de casa o cachorro atravessou na frente e eu atropelei o coitado, com isso quebrou o farol do carro, portanto esqueça o carro.

MÃE: Filha, aqui está o seu vestido.

ANDREIA: Mãe, o que aconteceu com o meu vestido ? Quem fez isso ?

MÃE: Foi o seu querido e lindo cachorro.

ANDREIA: Ah, mas eu mato esse cachorro.

MÃE: Calma filha, seu pai já fez isso.

ANDREIA: O que? Como assim o pai já fez isso ?

PAI: Pois é filha, o cachorro que eu atropelei, era o seu, ele estava fugindo de sua mãe.

ANDREIA: Por favor, me digam que esse dia não existe que eu estou sonhando, ou melhor tendo um pesadelo, não falta mais nada para acontecer.

 

(ENTRA A IRMÃ)

 

IRMÃ: Andreia, o Everaldo ligou e pediu pra te dizer que não quer mais nada com você, ele iria lhe dizer isso hoje a noite, mas resolveu antecipar e ligou, mas você não estava então pediu para te dar o recado.

ANDREIA: Isso só pode ser castigo.

PAI: Não digo que isto foi castigo, mas digo uma coisa; Aprenda a separar um tempo para Deus no dia e você verá que tudo se resolve melhor. Pense nisso.

ANDREIA: Tempo pra Deus ? É o que eu nunca tenho tido nestes últimos dias e a palavra de Deus diz em Eclesiastes 3 "que há tempo para tudo". É pai, me perdoe por não ter visto isto antes.

Quando o martelo da eternidade for levantado pela última vez para soar o som seco e transformar o hoje em ontem, será muito tarde, hoje pode significar outros dez ou doze anos para você ou para mim, mas também pode significar somente algumas semanas.

Hoje! Hoje! O tempo é curto, e o que um minuto descuida de fazer não poderá ser concluído em milhares de eternidades. As virgens néscias estavam apenas 5 minutos atrasadas, mas já era muito tarde para elas - para sempre! Elas ainda estavam comprando no mercado. Elas apenas desviaram um pouco do caminho, mas quando voltaram na porta, a porta estava fechada e trancada. Elas bateram, na porta e chamaram, e choraram e gritaram, mas só ouviram do outro lado da porta; Não vos conheço.

 

O período de nossa vida é de fato o tempo que nos foi concedido para pôr as coisas em ordem com Deus e voltar para ele. Isso é conversão. Beneficie-se disso venha hoje ao Senhor para sua benção eterna.

 

 

 

Fonte web: Pastor Osmarino

Autores: 
Diversos: 
nº de personagens: