A VIDA NÃO É UMA DROGA!

Versão para impressão
VIDA  ≠   DROGAS

As decepções da vida levam o jovem a conclusão que a vida é uma droga. Um viciado tenta arrastá-lo para o consumo de drogas para esquecer as agruras da vida. Um jovem com uma bíblia oferece uma outra alternativa, há um debate, drogas, escravidão, proibições da igreja, liberdade… Personagem que representa o mal, vendo que não os convenceria, sai pra reforçar sua tese de prazeres fáceis com outros.

 

CENA: Uma pessoa sentada no chão (Z). De um lado, uma pessoa com a Bíblia(W), acompanhada por alguém de branco(K) do outro, alguém simbolizando um drogado(X), acompanhado por alguém de preto (Y):

 

Z: Minha vida é uma droga! (grita)

X: A de todo mundo é! Já viu alguma vida que não seja? Já viu alguém feliz neste mundo?

Y: Não, ele não viu. Já falei pra você, a vida não presta.

X: Minha vida também é uma droga, Z.

W: Não... A vida não é uma droga! Ouça, Z, a vida é difícil às vezes, mas eu sei que há solução. Existe gente feliz sim!

K: Com certeza! É feliz todo aquele que faz a escolha certa.

Z: E qual é a escolha certa?

X: Olha pra mim, cara! Eu era só um boboca... Ninguém se importava comigo, ninguém entendia meus problemas... Aí ele me deu uma ideia.

Y: Ah sim! A ideia que dei foi sensacional.

Z: E ajudou?

X: Ajudou... Agora vivo em outro mundo... Nem lembro mais dos problemas de antes! Tudo maravilha...

Z: E o que é? Vou querer também!

X: A parada é só pros fortes: Drogas.

Z: Drogas?

W: Não dê ouvidos a ele, Z! O que você precisa mesmo é conhecer o verdadeiro sentido da vida. Todos temos problemas, mas problemas não devem ser esquecidos, devem ser resolvidos.

Z: E qual é então o sentido da vida?

W: Todos nós fomos criados por Deus, para Deus. Você só terá paz quando encontrar-se com Ele.

K: Mesmo?

X: Tolice! Olhe para mim! Estou em paz, mas não encontrei esse Deus de quem você fala.

W: Como ele pode estar em paz sem Deus, K?

K: Ele não está. Na verdade, tenta enganar a si mesmo, mas vive num vazio tão profundo que droga nenhuma poderá preencher.

W: X, você é escravo destas drogas.

Y: Não dê ouvidos a ele, você usa drogas por que quer!

X: Você que é escravo de sua fé! É proibido de tudo! Você não pode fazer nada, eu posso qualquer coisa.

W: Eu posso fazer tudo o que você faz, mas por que amo a Deus, simplesmente escolho não fazer. Você não consegue largar as drogas, é você quem está preso. Um dia escolheu esse caminho mas não consegue voltar atrás. E essa alegria toda que você mente ter, essa paz, essa falta de problemas... Quando passam os efeitos da droga você é o mesmo jovem infeliz, que quer se esconder do mundo.

(X reconhece que é verdade, se ajoelha e começa a chorar)

X: Minha vida é uma droga! (Grita.)

Z: A de todo mundo é, foi você quem disse!

Y: Qual o problema desse crentinho? Você é o próximo que vai aceitar as drogas que tenho a oferecer.

K: Não, ele não vai.

Y: Ah, mas vai sim! Eu tenho prazeres fáceis pra oferecer!

K: Não há espaços para os seus prazeres... Ele já está cheio de uma alegria que droga nenhuma pode dar e que problema nenhum dessa vida pode tirar.

Y: Problema nenhum? Espere eu lembrar dos projetos que falharam, dos planos que nunca se realizaram... Sua vida santinha é perda de tempo.

K: Engano seu... Quando alguém serve a Deus não significa que terá uma vida sem lágrimas, mas que Deus não é indiferente às nossas aflições. Você diz que as pessoas devem perder a razão frente aos seus problemas, afundar-se nas drogas, perder amigos, família, às vezes a própria vida.

Y: Digo. E muitos ouvem, afinal, é muito tentador. E você? Você diz que as pessoas devem aguentar seus problemas até morrer com eles, pois no céu todo mundo vai ser feliz.

K: Eu digo que existem angústias pelas quais passamos nesta vida, mas que nada pode tirar a paz de quem espera em Deus. Estes jovens estão sofrendo, não por que tem problemas de mais e queriam esquecer, mas por que suas almas anseiam por Cristo, anseiam retornar ao seu criador de quem se perderam um dia.

Y: Tudo bem, é verdade, mas eles não sabem disso, então já reservei o fim de todos eles.

W: Posso fazer algo para ajudá-los?

Y: Não seja ridícula! Nada pode ser feito (sai).

K: Na verdade, a força que eles precisam está em Jesus. Apresente Jesus a eles, pois nosso Salvador tem poder para mudar qualquer história (sai).

W: Meninos, a vida não é uma droga. Tinha tudo pra ser, mas aconteceu uma coisa que mudou o rumo da humanidade.

Z: Você nem sabe como é minha vida.

X: Você nem sabe as coisas que fiz.

W: Verdade, mas eu sei da vida de outra pessoa e das coisas que fez: Jesus Cristo.

Z: Não! Nem começa a falar de Jesus! Ele era um cara certinho de mais. Já eu... fiz tudo errado nessa vida. Não estou pronto pra seguir Jesus.

W: Certinho é pouco, ele foi... na verdade ELE É perfeito.

X: É piada? Vá embora de uma vez! Estamos vivendo nossas desgraças e você vem falar de alguém que é perfeito?

W: Perfeito de mais, no entanto, capaz de amar o mais miserável dos homens. Z, você não precisa se tornar alguém melhor primeiro pra depois aceitar a Jesus. É Jesus quem tornará você alguém melhor. X, não importa quão fundo você tenha chegado, a mão de Deus pode te alcançar aonde você estiver.

Z: Por favor, não minta para nós!

W: Não estou mentindo! A Bíblia fala que em Cristo, por causa de seu sacrifício na cruz, todas as coisas foram reconciliadas com Deus. Vocês andaram por caminhos maus, mas Jesus ainda quer alcançar vocês. A pergunta é, vocês querem ser alcançados?

X: Eu quero.

Z: Eu... eu quero!

W: Então quero orar por vocês. “Senhor, tu és bom, a tua misericórdia dura eternamente. Quero agradecer-te por todos os benefícios que nos tem feito, principalmente o maior deles, a salvação, presente de vida que custou a morte de Jesus. Hoje quero te apresentar X e Z. Eles pecaram contra ti e andaram distantes do senhor, mas se arrependem e querem voltar a ti. Deus, perdoa seus pecados, escreve seus nomes no Livro da Vida e que a partir de hoje teu Espírito Santo habite neles, dando força para vencerem o pecado e seguirem em Jesus, que é o caminho. Amém.”

X: Obrigada... Me sinto melhor agora.

Z: Eu também... É... eu estava errado, minha vida não é uma droga.

X: A minha também não (todos sorrindo).

W: Então vamos lá... Ainda tem muita gente precisando ouvir boas novas. Notícias de que nada está perdido, Jesus tem solução.

Obs.: As letras X, Y, Z, K, W devem ser substituídas pelos nomes dos personagens, a seu gosto.

 

Fonte WEB:   A VELHA GAVETA

Autores: 
Estilos: 
nº de personagens: