UMA CARTA DE DEUS

Versão para impressão

UMA CARTA DE DEUS Natália e Fernanda são irmãs, aprenderam desde pequenas a confiar em Deus.


Com as circunstâncias da vida vieram dificuldades, entre as dificuldades, tentações.
A Natália, diante da pressão, vacilou.
Fernanda permaneceu firme, um dia, além de uma palavra de apoio para a irmã entrega uma carta assinada por Deus.

A mesma autora escreveu outra peça que tem o mesmo nome UMA CARTA DE DEUS

1° Ato.
NATÁLIA: Fê, lembra de quando éramos crianças, a mãe orando com nos no pé da cama?
(Iluminação abaixa)
NARRADOR: Em marcos 13 Jesus ensinava o povo, ele começa a contar: Certo dia sai o semeador a semear, parte da semente cai em terra com espinhos, outra cai em terra boa, e frutifica a 30, a 60 e a 100 por 1! ... Quantos corações têm sido terra com espinhos, a palavra tem tentado crescer, mais as situações, te cercam, vai ficando cada dia mais fraco, fraco.(Vai se ajoelhando)Até te sufocar completamente!... Continuando a nossa historia!
( A luz apaga.)
2° Ato
(ao reacender já estão no palco as duas irmãs e o mercador)
MERCADOR: Se acham filhinhas de Deus! ... Veja Fernanda, o que tenho pra você, ( Entra um rapaz bem alinhado) É esse o mais belo aos seus olhos?! ... Vamos, Vamos logo, Sei que você quer! Pense no quanto todos vão admirar vocês, o casal mais lindo! ... Esperar pra que? ... Entregue-me as tuas promessas, Esperar pra que? Se pode ter agora!
NATÁLIA: Não sei mercador!
MERCADOR: Pense bem! ... Um homem desses não vai ficar só, por muito tempo! Veja bem!
NATÁLIA: Esta bem mercador. Te entrego minhas promessas! Sempre fui apaixonada por ele mesmo!
MERCADOR: Vamos tirar essa veste de louvor, não vai mais precisar dela! (mercador envolve o casal com correntes) Até Jesus foi tentado em suas necessidades, comida, dinheiro, poder! ... Sei que alto preço foi pago por você. Bobagem eu quero pagar o preço pra você voltar a ser meu escravo! Afinal esse é meu trabalho! ... Agora é sua vez Fernanda! 
FERNANDA: Nada do que possa me oferecer, é melhor do que meu senhor! 
MERCADOR: Vamos ver! ... Posso te fazer uma das mulheres mais inteligentes e importante dessa terra. Pense bem! 
FERNANDA: Não preciso pensar! O principio da minha sabedoria é o temor ao meu Deus! 
MERCADOR: Deus só pode estar de piada comigo! ... Olha pra sua vida, cresceu sem mãe, que lindo a família perfeita voltando da igreja. Um bêbado bate o carro. Ele nem se machucou, porém sua mamãe morreu antes mesmo de chegar ao hospital! ... E quer me falar de Deus! ... Isso sem falar que hoje seu pai é um bêbado igual o que matou a sua mãe! 
FERNANDA: Eu te amo, óh Senhor, minha força. O senhor é a minha rocha, o meu libertador; O meu Deus meu rochedo, em quem me refugio; O meu escudo, a força da minha salvação! 
MERCADOR: Está cega? ... Você está vendo no que vive. Passa o dia em um trabalho medíocre, chega em casa encontra seu pai bêbado! Eu posso mudar isso. Me entregue as suas promessas 
FERNANDA: Jamais mercador!
MERCADOR: Olha pra sua realidade!
FERNANDA:(começa a cantar)
Já posso sorrir
Em meio a tempestade de areia
Meus olhos só conseguem
Enxergar as suas promessas
Que eu sei que vou viver
MERCADOR: (começa a cantar)
Tempo demais, já se passou
Pode se frustrar entre as situações
FERNANDA:(começa a cantar)
É possível passar pelo deserto
Sem ser marcado pela decepção,
pela frustração, vou ver pela fé!
( a luzes se apagam)
3° Ato
(Entra Fernanda discutindo) 
HOMEM:  Cala a boca! Você não serve pra nada mesmo! 
(Homem sai) 
NATÁLIA: Como eu abri mão da minha primogenitura, das minhas promessas! O Mercador me enganou. Agora não consigo mais sentir a presença de Deus! Troquei a veste de louvores por um prato de lentilha! O que eu tenho é um casamento mascarado, quem olha fala que não podia ser mais feliz, meu marido é um grosso! ... Agora não tem mais volta!
(Entra Fernanda)
FERNANDA: Não diga isso irmã, Jesus te ama!
NATÁLIA: Bem fez você, que não vendeu as suas promessas! ... Eu me enganei, mas não há volta pra mim! ... Suja pelo meu pecado, só me resta me conformar!
FERNANDA: Jesus renova a suas misericórdias a cada manha! ... Essa carta é pra você!
(Fernanda sai)
NATÁLIA: Uma carta de Deus! ... Ela ainda tem coragem de brincar comigo! ... Quem dera se fosse verdade! ... Não custa abrir, já estou na pior mesmo!
A carta
´´Minha filha não tem um só dia que eu não pense em você!
Meu coração se entristeceu, quando você se afastou de mim!
Mas fico ainda mais triste quando você diz: Não há mais salvação pra mim!
Eu, seu Deus e pai, dei o meu filho por você.
Jesus morreu naquela cruz, para salvar sua vida!
Eu ainda estou batendo na porta do seu coração, e vou continuar até o ultimo dia!
Deixe-me entrar de novo no seu coração!
Eu quero restituir a tua dignidade, tua paz, tua felicidade!
Por isso me receba, receba a dignidade novamente!
E nunca diga: sou derrotada;
Pois eu te digo: E graças a Deus, que sempre nos faz triunfar em Cristo… (II Coríntios 2:14) 
Ou que esta fraca: pois eu te digo: O SENHOR é a força da minha vida. (Salmos 27:1) …mas o povo que conhece ao seu Deus se tornará forte e fará proezas. (Daniel 11:32) 
Eu quero ser o seu pai, deixe-me ser o seu pai!
Deixa eu te lavar, no sangue do cordeiro vivo!
Trocar suas vestes, te fazer mais limpa do que a neve.
Deixa-me tirar as tuas vestes da fraqueza, do medo!
Eu estou de braços abertos! Só precisa dizer Jesus, entra no meu coração, eu mudarei tua historia! 
Do seu Deus, do seu pai! ´´
(Natália se ajoelha)
NATÁLIA: Senhor, me rendo aos seus pés! ...Vem novamente reinar na minha vida! .. Traz de volta ao meu coração o primeiro amor! Eu preciso ser lavada no sangue de Jesus! Tira, muda minhas veste!
(Narrador ajuda Natália a levantar-se) 
NARRADOR: Levante-se, eu sou teu pai! ...Vá, pois te fiz nova criatura! ...Eu restituo sua dignidade, sua paz, levante-se pra viver um novo tempo, como minha filha!

A música é Promessas da  Banda Shalom o E-mail deles shalom_senhorepaz@yahoo.com.br

Estilos: 
Diversos: