PLANO MARAVILHOSO

Versão para impressão

PLANO MARAVILHOSO - Teatro CristãoO PLANO MARAVILHOSO que é apresentado nesta peça, é o plano de Deus. Começa na criação do homem e fala da sua queda. O nascimento do Salvador, sua morte e ressurreição. Cita também o local para onde os salvos vão...

 

 

A autora fala sobre a peça: Escrevi essa peça para o Culto Especial de Natal. Na época não contávamos, na igreja, com um grupo de teatro, e as pessoas que se dispuseram a apresentar não tinham tempo para ensaiar. Então, pensei em criar algo que fosse prático e ao mesmo tempo tocante. Foi assim que surgiu a ideia dessa apresentação: cada um ensaiou seu hino e o narrador treinou sua fala; exibimos imagens no Datashow durante a narração e os hinos. Precisamos apenas de um ensaio e fomos muito abençoados naquele natal. Marilaine Guadalajara

 

 


NARRADOR: Um vento calmo soprava sobre o pó da terra que repousava a ermo… A natureza era contemplada pelo seu Criador… Tudo, ou quase tudo, estava pronto: os céus, a terra, o sol, as estrelas, animais e plantas, tudo aguardava o grande final da criação divina!
De repente, algo espetacular acontece: aquele pó da terra começa a se agitar de maneira cadenciada e um sopro suave e divino pode ser sentido! É o sopro do Criador que acabara de criar o homem e agora lhe soprava nas narinas o fôlego da vida.
E disse Deus que não era bom que o homem ficasse só. Fez então cair um pesado sono sobre ele e de uma de suas costelas formou uma mulher.

ATO 1
(Adão e Eva cantam: De um modo maravilhoso)
NARRADOR: Tudo era paz, no jardim do Éden, jardim que o Senhor criara para abrigar o homem e sua mulher.
Ali não seria necessário fazer nada além de adorar ao Criador!
No entanto, aquele que anda ao derredor, bramindo como leão faminto, provocou a queda do homem em terrível pecado.
A serpente do engano levou Eva a pecar e a fazer com que Adão também pecasse.
Agora não seria mais possível ao homem, estar frente a frente com Deus e adorá-lo sem barreiras!
Deus é Santo e não tolera pecado algum!
O homem foi expulso do Éden, mas não só isso…
O ser humano estava, naquele momento, tendo seu elo com Deus quebrado! Porém, uma promessa mudaria todo esse quadro de destruição.
VOZ DE DEUS: Serpente, porque fizeste isso, maldita serás entre todos os animais, porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar.
 
ATO 2
NARRADOR: Aquela era uma pequena aldeia da Galileia, e aquela era uma jovem na mais tenra idade que, talvez, como tantas outras, sonhava em ser a mãe do Messias. E foi num momento inesperado que um anjo surgiu diante daquela menina e lhe disse:
ANJO: Salve, agraciada! Venho trazer-te uma grande notícia! Serás a mãe do Salvador!
Não temas. Descerá sobre ti o Espírito Santo, e a virtude do Altíssimo te cobrirá com sua sombra…
(Maria canta: A serva do Senhor sou eu)
 
ATO 3
NARRADOR: E aconteceu naqueles dias que saiu um decreto de César Augusto, para que todos se alistassem.
José, então, a fim de alistar-se, seguiu com Maria para Belém. E não encontrando eles lugar para se hospedarem, e tendo já se cumprido os dias para que a criança nascesse, buscaram abrigo numa estrebaria. E Maria deu à luz a seu filho ali mesmo e o deitou numa manjedoura.
(Toda a congregação canta: Lugar para Cristo – 31 CC)
NARRADOR: Nascia o Rei da glória, e o plano traçado por Deus desde a fundação do mundo e anunciado naquele dia lá no Éden começava a se desenhar.
Nascia aquele que esmagaria a antiga serpente. Era chegado aquele que traria novamente o homem a Deus, em plena e total comunhão!
Havia, por ali, alguns pastores que guardavam seu rebanho. Eles jamais imaginariam que tão próximo a eles estava acontecendo o maior evento da humanidade: JESUS NASCIA!
(O grupo de mulheres canta “Cristo em Belém” – 32 CC) – Durante o hino os pastores percorrem a congregação anunciando o nascimento de Jesus.
 
ATO 4
NARRADOR: E a missão de Jesus se inicia logo após ele ser batizado por João Batista. Ele segue pelas ruas apregoando a paz, o amor, o perdão… Ele cura feridas emocionais, opera milagres, traz pessoas de volta à vida… Sua fama corre por toda a Judeia, a Galileia e até pela Samaria.
Porém, para que o maravilhoso plano salvador de Deus se cumprisse, seria preciso que um cordeiro fosse imolado. Seria preciso que seu Filho fosse sacrificado.
Jesus deveria pagar o preço do resgate de toda a humanidade, deveria carregar sobre si todo o pecado do mundo. E tudo isso ele fez, realmente, por amor de cada um de nós.
E, saindo Jesus, foi como costumava, para o Getsêmane, onde foi traído e entregue nas mãos dos judeus.
E, assim, começavam os passos finais para o cumprimento do plano que Deus traçara, desde o princípio, para a redenção da humanidade.
(Hino: No Getsêmane- Leonardo Gonçalves)
[Durante o hino, Jesus caminha até a frente onde será crucificado.]
NARRADOR: Ali estava o prometido de Deus, o Senhor dos senhores. Aquele que estava cumprindo a promessa que o Criador fizera no Éden…
Em Cristo, Deus estava reconciliando consigo o mundo…
E isso inclui você! Deus pensava em você quando disse à serpente, que haveria aquele que lhe esmagaria a cabeça. Foi por mim e também por você que Jesus deu sua vida naquela cruz.
Mas a morte não foi suficiente para derrotar o grande autor da vida! Ao terceiro dia, Jesus ressuscitou! E depois de ter falado por muitos dias aos discípulos, foi recebido no céu, assentando-se à direita de Deus.
 
ATO 5
(Entra o coral cantando AGNUS DEI)
NARRADOR: Depois destas coisas, olhei e eis que estava uma porta aberta no céu… E ouvi uma voz que me disse:
VOZ DE DEUS: Sobe aqui, e mostrar-te- ei as coisas que depois destas devem acontecer.
NARRADOR: E logo fui arrebatado em espírito, e eis que um trono estava posto lá e um assentado sobre o trono. E ao redor dele havia anciãos, que adoravam o que vive para todo o sempre, dizendo:
(O coral canta: Santo)
[O coral se retira ao som do piano.]
NARRADOR: E vi um novo céu e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. E vi a cidade santa, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como esposa ataviada para o seu marido. E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os alumia; e reinarão para todo o sempre.
 
ATO 6
(Hino: solo: Cidade Santa)
VOZ DE DEUS: Bem-aventurados aqueles que lavam as suas vestiduras no sangue do Cordeiro, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas!
NARRADOR: Esse é o plano maravilhoso de Deus. Deus criou o homem para que o homem adorasse ao Criador e tivesse com Ele o mais profundo relacionamento de amor! Deus criou o homem para viver em harmonia com os seus semelhantes! Mas Satanás, a antiga serpente do Éden, tentou impedir que isso acontecesse e causou a queda do ser humano em pecado. Então, Deus providenciou a redenção do mundo através de seu Filho. Ele veio, morreu e ressurgiu para que todo aquele que creia fielmente nisso não pereça, mas tenha a vida eterna, com ele no céu. O que comemoramos hoje é o cumprimento da promessa de Deus, é a vinda do Messias, o nascimento daquele que já começou a esmagar a cabeça da serpente do engano. Tudo isso parece algo incomum e o é realmente, algo que só o amor de Deus seria capaz de planejar.
(Hino: Incomum – Rogério Reis)

 

Blog da autora desta peça

 

Igreja Batista Bethléem – Vitória da Conquista/BA

 

 

 

Datas: 
Temas: 
Diversos: