O VERDADEIRO PAPAI...

Versão para impressão

Esta peça foi escrita com inspiração divina e tem como objetivo reafirmar a soberania e a majestade do nosso Deus, mesmo diante dos vários ídolos e símbolos mitológicos que a cultura e o folclore promovem. Na peça em questão, a intenção é reafirmar a diferença entre Cristo e o " Papai Noel ". " O velhinho " entra em cena prometendo atender qualquer pedido, no entanto, acaba se surpreendendo com a impossibilidade de atender efetivamente as petições...
Espero com esta que Deus abençoe de maneira grandiosa, tanto os que pretendem apresentar quanto aos seus espectadores. Toda honra, glória e louvor sejam dadas ao Pai, o Deus eterno !

Personagens:

Papai Noel ( vestido a caráter )
Distribui as falas entre nove crianças ( com idade entre 9 e 12 anos ), no entanto, esse número pode ser reduzido ou aumentado, de acordo com a disponibilidade de pessoas.
Ainda com relação aos personagens, pode-se também adaptar a peça para que seja encenada por adultos. Nestes caso o Papai Noel entraria e estabeleceria um diálogo com a igreja, sendo que as pessoas participantes fariam as petições.

Obs.: caso julgue necessário, envie-me um e-mail solicitando para maiores esclarecimentos.
( vieiragc2000@yahoo.com.br )
Cenário ( são dois ):
Nenhum específico
Cena 1:
Papai no Noel entra em Cena com as crianças em sua volta... As crianças comemoram a presença do " velhinho "
PAPAI NOEL: Hou, hou, hou... Feliz Natal ! Feliz Natal !!! Crianças, sentem, sentem porque agora eu vou fazer a distribuição dos presentes, vou distribuir alegria, felicidade e vou mudar a vida de todos vocês. Vocês não terão mais motivos pra ficarem tristes... ahahahahah 
CRIANÇAS: se alegram, sentam ( a frente )...
PAPAI NOEL: Bom, cada um pode fazer um pedido.
CAMILA: Pode pedir qualquer coisa ?
PAPAI NOEL: Qualquer coisa, peçam o que quiserem !
JÉSSICA: Papai Noel, meu pai e minha mãe estão brigando muito, eles falam até em se separar, eu desejo que eles não briguem mais... 
PAPAI NOEL: é, é... Bom, deixa eu ver o que eu tenho aqui ( procura no saco de brinquedos... ) Bom, pega essas três passagens para Disney assim vocês podem ir e se divertir, e então eles vão fazer as pazes novamente. Acredite, pode ir, as coisas vão mudar, você vai ver ! ( entrega as passagens ). Vamos crianças comemorem, afinal, ela ganhou passagens para Disney !
CRIANÇAS: eheheheheheheh.... ( se alegram )
PÂMELA: Papai Noel, sabe o que é, é que o meu irmãozinho tá muito doente, eu queria pedir para o sr ajudar ele...
PAPAI NOEL: Bom, deixa eu ver.... ( procura no saco de brinquedos... coça a cabeça ) Olha, pegue esse dinheiro. Com esse valor vocês vão poder levar ele no melhor hospital, então você vai ver, ele será curado !
PÂMELA: mas ele já está no melhor hospital da Cidade e não está adiantando...
PAPAI NOEL: Então toma mais ( pega mais dinheiro ainda ). Com essa quantia vocês vão poder levar ele para fora do país, no melhor hospital do mundo; lá ele vai ser curado.
PÂMELA: não Papai Noel, o médico disse que não adianta...
PAPAI NOEL: mas é claro que adianta, com essa quantia vocês podem comprar qualquer remédio !
PÂMELA: mas é que a doença dele não tem cura !
PAPAI NOEL: ( um pouco sem graça ) então faz o seguinte, fique aqui, depois que eu presentear a todos, eu volto a falar com você ! Hou, hou, hou, hou, vamos se alegrar crianças, é Natal !!!
CRIANÇAS ( um pouco tímidas ): eheheheh.... ( se alegram )
HENRIQUE ( bastante triste ): sabe o que é Papai Noel, é que o meu irmão é viciado em drogas !
PAPAI NOEL ( coça a cabeça ): é, é, é.... ( nem tão seguro ) deixa eu ver ( procura no saco de brinquedos ) pegue isso ( dinheiro ), internem ele na melhor clínica de recuperação !
HENRIQUE: ( pega ) muito abrigado Papai Noel, muito obrigado ! Só uma pergunta: O Maradona tem dinheiro não tem ? Mas por que será que ele não consegue se libertar das drogas ?
PAPAI NOEL: ( embaraçado ) é falta de sorte meu filho, é falta de sorte, mas seu irmão vai conseguir, pode crer, ele vai conseguir.
CRIANÇAS ( um pouco tímidas ): eheheheh.... ( se alegram )
PAPAI NOEL: Alguém mais vai pedir alguma coisa ?
SANDRA: Eu ! Eu queria um irmãozinho, porque eu sou filha única.
PAPAI NOEL: Bom... é... nesse caso, eu não posso ajudar. Quer dizer, eu posso escrever uma carta pedindo para os seus pais...
SANDRA: mas com essa carta minha mãe vai poder ter um filho ?
PAPAI NOEL: bem, depende. Depende da vontade deles...
SANDRA: é que minha mãe teve que fazer uma cirurgia e então não pode mais ter filhos.
PAPAI NOEL: Então é impossível ela engravidar minha filha !
REBECA: desculpe Papai Noel, mas minha mãe teve minha irmãzinha, mesmo depois dos médicos terem dito que ela não poderia mais ter filhos.
PAPAI NOEL: ( desapontado ) é, nesse caso, algo está errado...
SANDRA: Tudo bem Papai Noel, mas eu sei que o sr é maravilhoso e que veio do Polo Norte até aqui, só pra ajudar a gente, eu sei que o sr vai nos ajudar, não vai ?
PAPAI NOEL: ( triste ) Bom, é, é, é... vou, vou sim minha filha.
SANDRA: Que bom, eu sabia, eu sabia que o sr não ia me decepcionar.
AMANDA: Papai Noel, só quero uma coisa... só quero que esse bairro não seja mais violento porque um dia, mataram um menino perto da minha casa...
PAPAI NOEL: é, meu celular está tocando ( tira o celular e lê uma mensagem ), acho que eu vou ter que voltar pro Polo Norte, urgente...
AMANDA: mas nós te esperamos o ano inteiro.
CAMILA: é verdade, eu te escrevi um monte de cartinha o ano inteirinho...
PÂMELA: eu também Papai Noel, minha mãe dizia que não tinha jeito, que meu irmão ia morrer, mas eu falava que tinha sim, no fundo eu estava esperando o Natal, porque eu sabia que o sr iria vir...
PAPAI NOEL: crianças, realmente eu não posso ficar, parece que aconteceu uma tragédia no Polo Norte e eles precisam da minha ajuda
HENRIQUE: nós também precisamos Papai Noel !
PÂMELA: aqui aconteceu uma tragédia com cada um de nós...
PAPAI NOEL: mas eu acho que vocês podem esperar; esperem até o próximo Natal, então eu volto para ajudar vocês... Me desculpem mas agora tenho que partir, boa sorte pra vocês. Feliz Natal ! ( começa a se retirar... ) 
REBECA: Papai Noel, espere, só mais uma coisinha... Leve isto ( bíblia ). 
PAPAI NOEL: uma bíblia, por que ?
REBECA: porque, se o sr colocar ela dentro do saco de presentes, o sr poderá ajudar qualquer pessoa...
PAPAI NOEL: como assim ?
REBECA: na bíblia, nós encontramos respostas para todas as perguntas. Nela, nós reconhecemos que, o que nós não podemos fazer, Deus pode e o mais importante, aprendemos que o dinheiro não pode comprar tudo...
PAPAI NOEL: mas você acha que um simples livro pode fazer isso ?
REBECA: um livro não, mas a Palavra de Deus pode. Aliás, não é a letra que pode, mas o Espírito que ela revela.
PAPAI NOEL: Tudo bem, eu vou levar, mas agora tenho que partir... Feliz Natal, hou, hou, hou.... 
O Papai Noel Sai de cena, enquanto as crianças permanecem conversando...
HENRIQUE: eu não acredito, não acredito, ele foi embora e não me ajudou.
SANDRA: Eu também estou decepcionada !
CAMILA: Eu também, eu acreditei tanto nele...
PÂMELA: e eu então...
REBECA: gente a bíblia diz que é feliz aquele que confia em Deus e entrega a ele o seu caminho... Vocês já deveriam ter aprendido que esse negócio de Papai Noel é tudo comercio, só pra ganhar dinheiro. Na verdade, Papai Noel não existe, o que existe é uma fantasia, só pra convencer as pessoas a comprarem presentes...
Papai Noel retorna... ( ele deve voltar sem o gorro, a barba e a blusa, que estão em uma de suas mãos, na outra, ele deve trazer a bíblia. O saco não deve voltar para esta cena ) 
PAPAI NOEL: é verdade, tudo não passa de uma grande farsa...
JÉSSICA: ( surpresa ) Papai Noel ? mas cadê o seu chapéu e a barba ?
AMANDA: e o saco de presentes ?...
PAPAI NOEL: crianças, eu andei lendo este livro ( bíblia ) e fiz importantes descobertas... eu descobri que o verdadeiro Natal não tem Papai Noel. 
HENRIQUE: como assim ?
PAPAI NOEL: o verdadeiro natal acontece todos dias, dentro do coração daqueles que permitem. O verdadeiro natal não é feito de balas e presentes mas sim, de intimidade e comunhão com Jesus Cristo.
AMANDA: mas, se o sr não tiver o saco, o sr não vai mais poder ajudar as crianças...
PAPAI NOEL: O meu saco de presentes eu já não levo mais na mão, mas levo no coração, pois agora eu tenho a Cristo e é dele que as pessoas precisam...
PÂMELA: mas e o meu irmãozinho, eu esperei o sr o ano inteiro...
PAPAI NOEL: mas não é a mim que você deve esperar mas sim a Cristo. Se você falar pra ele, ele vai te ajudar.
HENRIQUE: e o meu irmão drogado ?
PAPAI NOEL: O Papai Noel nada pode fazer, mas o Papai do Céu pode, fale com ele.
JÉSSICA: mas e quando tivermos um problema muito difícil ?
PAPAI NOEL: Deus tem uma forma muito fácil de resolver, pode ter certeza ! Vocês já não precisam mais esperar o mês de dezembro para comemorar o Natal pois Jesus pode nascer no coração de vocês, todos os dias, a qualquer momento.
REBECA: Eu sempre pensei assim, mas e Polo Norte, como o sr explica ?
Começam a sair...
PAPAI NOEL: O Polo Norte era uma questão de localização, de cultura...
 
FIM

 

 

Fonte WEB: BLOG LETRAS SANTAS
 

Datas: 
Temas: 
Idades: 
Diversos: