JESUS E O PARALÍTICO

Versão para impressão

Esquete que ilustra o texto de Marcos 2, 1-12, a cura do paralítico de Cafarnaum.

Joca e Clarinha contam a história, ilustrada por algumas cenas. Jesus fala "em off".

O autor tem mais material, veja como encontrar no rodapé do texto.

 

JOCA – (entra) Oi pessoal!

 

CLARINHA – (entra) Oi pessoal!

 

JOCA – Oooooooi!

 

CLARINHA – Oooooooi!

 

JOCA – Gostei. Você fez igualzinho. Faz de novo?

 

CLARINHA – Faço: oooooooi!

 

JOCA – Clarinha: sabe de uma coisa?

 

CLARINHA – Não sei, Joca.

 

JOCA – Você não sabe?

 

CLARINHA – Não. Você não contou ainda...

 

JOCA – Clarinha: eu gostei muito do Evangelho de hoje, viu?

 

CLARINHA – Eu também, Joca.

 

JOCA – Olha: essa história do homem paralítico me deixou emocionado.

 

CLARINHA – É uma história de fé, Joca.

 

JOCA – Então vamos explicar para as crianças?

 

CLARINHA – Vamos sim, Joca.

 

JOCA – Gente: no tempo de Jesus...

 

CLARINHA - ...há dois mil anos atrás...

 

JOCA - ...havia um homem paralítico.

 

CLARINHA – Quer dizer: o homem não conseguia andar.

 

JOCA – Ficava sempre deitado na cama.

 

(Entra uma ilustração do homem na cama).

 

CLARINHA – Olha ele aí.

 

JOCA – Coitado.

 

CLARINHA – Mas aconteceu uma coisa, Joca.

 

JOCA – O que, Clarinha?

 

CLARINHA – Na cidade em que o doente morava chegou Jesus.

 

(Entra ilustração de Jesus. Sugestão: fazer essa encenação com ilustrações em palitos de churrasco. Assim as ilustrações terão movimento).

 

JOCA – Ah, eu adoro Jesus!

 

CLARINHA – Eu também, Joca.

 

JOCA – Clarinha: o doente está lá e Jesus está ali. É só levar o doente para Jesus, e pedir para Jesus cura-lo.

 

CLARINHA – É, boa idéia... Mas só que...

 

JOCA – O que, Clarinha?

 

CLARINHA – Todo mundo queria ver Jesus.

 

(Entram ilustrações de várias pessoas e ficam entre Jesus e o doente).

 

JOCA – Nossa! Encheu de gente!

 

CLARINHA – É: tinha muita gente mesmo!

 

JOCA – Olha lá, Clarinha: o doente não consegue nem ver Jesus direito.

 

CLARINHA – É: ta difícil, Joca.

 

JOCA – Mas se Jesus visse o doente... ele podia cura-lo...

 

CLARINHA – Pois é, mas... não dá pra chegar perto de Jesus. Tem muita gente.

 

JOCA – Olha, Clarinha: tem dois homens pegando o doente. Olha: eles estão levando o doente pelo outro lado!

 

CLARINHA – Joca: eles estão subindo na casa onde Jesus está.

 

JOCA – Gente do céu: cuidado pra não derrubar o doente aí!

 

CLARINHA – Eles estão descendo o doente pelo telhado, atrás de Jesus.

 

JOCA – É: já que não dava pra passar... os homens deram um jeito.

 

CLARINHA – Ufa: conseguiram! O homem agora está perto de Jesus.

 

JOCA – E quando Jesus viu a fé daqueles homens, ele disse assim:

 

JESUS – (voz em off) Filho: os teus pecados estão perdoados.

 

JOCA – Olha, que legal!

 

CLARINHA – É, Joca. E Jesus disse mais ainda:

 

JESUS – (em off) Levanta e anda.

 

(Música – o homem se levanta da cama).

 

JOCA – Olha! Ele está se levantando!

 

CLARINHA – É um milagre, Joca!

 

JOCA – Clarinha: que legal!

 

CLARINHA – Gente: Jesus perdoa nosso pecados.

 

JOCA – E também cura nossas doenças.

 

CLARINHA – Jesus nos liberta de todo o mal.

 

JOCA – Então nunca se esqueça de ter sempre Jesus no coração.

 

CLARINHA – Todo dia, toda hora.

 

JOCA – Sempre!

 

CLARINHA – Tchau pra vocês!

 

JOCA – Tchau!

 

CLARINHA – Tchau!

 

JOCA – Tchau, tchau, tchau!

 

(Saem. Fim)

 

 

O autor mantém o grupo Missa das Crianças do yahoo, onde tem muito mais material. É necessário se logar e entrar no grupo.

 

Autores: 
Estilos: 
Idades: 
Diversos: