EU ACEITO

Versão para impressão

'Eu aceito' é uma peça de muita ação, que mostra a batalha espiritual para a conversão de uma pessoa. Altamente evangelística.

Vários personagens, com muito drama e comédia.

ATO 1

CENA 1 

Baal - Ainda não obtive respostas...

(O SILÊNCIO CONTINUA)

Baal - Ordenei algumas ordens e ainda não obtive uma resposta. Estou esperando... Intriga, Impureza e Mentira! Vamos! Desembucha!

Intriga - Não adianta... o elemento é duro na queda!

Baal - Como assim? Duro na queda?

Intriga - Sim, a moça não sede... tentei de tudo: intriga na família, no trabalho, entre os irmãos, tentei de tudo. Ela não cai nas armadilhas...

Mentira - Espalhei algumas mentiras sobre ela em alguns pontos chaves,mas suas palavras têm muito peso. Todos acreditam no que ela fala.

Impureza - Eu tenho sido derrotado em sua vida. Tenho tentado colocar impure sas em seu caminho. Mas ela é santa. Não sede às tentações! Já tentei colocar alguns rapazes dos nossos em sua   vida,  revistas, filmes sensuais, cantadas, mas ela não cai em minhas armadilhas.

Intriga - Está em constante oração. Não estamos encontrando brechas! Quando peca, logo pede perdão para...

TODOS - XIIIIIII!

Baal - Não diga esse nome!

Intriga - Perdão! Como dizia, quando peca, logo pede perdão para...Ele. O sangue sempre apaga seus pecados. Bem que ela podia ser igual a certas pessoas que não têm revelação disso...

Impureza - Como a Rosália da Rua 6, vive pecando... mas não pede perdão, pois  pensa que ...

TODOS - XIIIIIIII!

Impureza - Ela pensa que Ele perde a paciência com ele e não a perdoa.

Mentira - Ela se esquece que suas misericórdias não têm fim...

Baal - Você que colocou essas mentiras na sua cabeça... bom trabalho mentira!

Mentira - Mas a Carmem, não tem jeito. Ela rejeita minhas mentiras com a palavra de Deus!

(GRANDE ALVOROÇO, GRITOS DE PAVOR E TERREMOTO)

Baal - Nunca mais diga este nome aqui! Da próxima vez, eu acabo com você! Diacho!

Impureza - Temos que mudar nossas táticas!

Baal - Errado! Temos que mudar os planos! Temos que marcar mais pesado! Te-

           mos que chamar forças mais poderosas, pois vocês são uns fracotes! Ela já

           consegue vencê-los! Vocês já são derrotados em sua vida! Vou providenci-

           um plano, e eu mesmo irei executá-lo. Mas não querem que cessem os ata-

           ques, continuem tentando. Ela está orando por pessoas, temos que atrapa-

            lhar o seu evangelismo! Ela vai cair, custe o que custar! Temos que fazer

            com que ela não ore! Vamos tirar a oracão de sua vida. Vamos agir! Nos-

           plano vai dar certo!Custe o que custar! Ou não me chamo Baal Rafar! 

Cena 2 

NINA - E então? O que vocês acharam da aula de hoje sobre a evolução do ho-

             mem? Quando e de onde ele surgiu?

RAFAEL - Puxa! Nem queiram saber como estou confuso... mas essa agora... dizer    que o homem veio do macaco...essa não... daqui a pouco já estão me cha-

            mando de Chita!

NINA - Mas é claro que veio do macaco, de quem mais poderia ser?

RAFAEL - Do papagaio, não vê o quanto as mulheres falam?

CARMEM - Gente, a palavra de Deus é a verdade. Em Gênesis está escrito que

                      todas as coisas foram criadas por Deus. Vocês são muito especiais e 

                      perfeitos para terem vindo de um simples macaco. Nós fomos cria -

                      dos à imagem e semelhança de Deus!

NINA - Isso é papo furado! Deus não existe! Deus é tudo de bom que nós temos

             dentro de nós.

CARMEM - Deus existe sim,  ele é tão vivo e real como nós.

NINA - Como provar que ele existe? Nada prova a sua existência?

CARMEM - Errado! Tudo prova que ele existe!  A maior prova de sua existência

                      é você mesma.  Você foi criada semelhante a Deus. Você é perfeita!

                     A Glória de Deus se manifesta na sua criação.

NINA - E você Coró? O que acha?

RAFAEL - Sei lá! Esse papo é muito confuso... (APARECE A TURMA DO NICK ) Xi... pintou sujeira... lá vem o Nick e sua turma, eu vou me mandar...

NINA - Nada disso! Seja homem e fique!

RAFAEL - E quem foi que disse que eu sou homem?

NINA - Você fica! Não seja covarde!

NICK - Ora, ora, ora! Olha o que nós temos aqui turma?

NICK - Será um pássaro?

TODOS - Não!

NICK - Será um avião?

TODOS - Não!

NICK - Então o que será?

TODOS - A TURMA DOS COVARDES!

NICK - Olha só, a crentinha e seus amigos idiotas! E aí? Rezando muito?

CARMEM - Não tenho medo de você!

NICK - Não tem medo de mim? (SEGURA-A PELO PESCOÇO) Comece

                         a ter, pois posso acabar com a sua raça!

CARMEM - O meu Deus, é o Senhor dos exércitos! Ele me guarda de todo o mal!

NICK - Deus? Deus... eu não conheço nenhum... (BATENTO NO RAFAEL)

                         E você idiota? Conhece algum?

CARMEM - Não faça isso com ele! Que glória há em bater em alguém mais fraco?

NICK - E em quem eu deveria bater? Em você?

CARMEM - Eu não posso vencê-lo! E sim amá-lo!

NICK - Me amar? (RISOS) Essa foi a maior piada do século... você me

odeia! Ninguém me ama! Eu posso cortar você em pedaços...

CARMEM - Corte-me em mil pedaços, e ainda assim, cada pedaço  de mim

                      continuará te amando.

NICK - Eu sou mau! Não quero que ninguém me ame! (Dá um murro na

                         barriga do RAFAEL) Se disser isso mais uma vez eu te mato! Vamos sair daqui!

NINA - Carmem...você enlouqueceu? Ele podia ter acabado com você!

CARMEM - O Senhor é comigo... Nina, por amor a você ele foi açoitado, cuspi-

                      ram em seu rosto e foi crucificado. Por você ele deu sua vida.

NINA - Como pode alguém amar desse tanto? Você deve conhecê-lo. A ponto de

              enfrentar o NICK confiando nesse Deus!

CARMEM - Eu só confio nele... ele mora dentro de mim... e quer morar em seu

                      ração. Quer fazer parte de sua vida...

NINA - E o que eu preciso fazer?

CARMEM - Nada! Apenas convidá-lo para entrar dentro de você!

NINA - Eu aceito!

CARMEM - Feche seus olhos e fale prá ele que você aceita!

NINA - Eu aceito!

(AS DUAS ORAM)

CARMEM - E você Rafael? Também quer recebê-lo?

RAFAEL - Gente, tenho de ir, tenho um compromisso agora, valeu!

CARMEM - Vamos almoçar juntas? Tenho muito prá compartilhar com você! 
 

CENA 03 

MENTIRA - Deus! Que Deus  o quê?

RAFAEL  - É mesmo! Que Deus o quê?

MENTIRA - Ele não existe!

RAFAEL - É mesmo, ele não existe! Isso é besteira, não vou ficar pensando nisso!

               Nossa, que murro que eu levei! Ainda está doendo! Que covarde que eu

               sou... apanhei na frente das meninas.

MENTIRA - Você é um pobre coitado, ninguém te quer! Você é um covarde!

RAFAEL - Eu sou um covarde! Um pobre coitado. Ninguém me ama, ninguém me quer! Se Deus existisse, acho que ele nem iria me notar!

MENTIRA - Você é um desqualificado! Vamos! Diga isso! Declare isso! Eu sou

                      um desqualificado! Eu sou um desqualificado!

RAFAEL - Eu sou um desqualificado!

MENTIRA - Você é um rapaz feio. Sem nenhum atrativo físico!

RAFAEL - Eu sou feio. Ninguém me quer!

MENTIRA - Feio! Desqualificado! Covarde! Imbecil! Desgraçado! (GARGALHADAS) Ei ! Quem é você? O que faz aqui?

ANJO 1 - Vim em uma missão! Vim derramar unção de conversão sobre ele!

MENTIRA -Você não tem direito!Ele é meu!Faz o que eu mando. Ele, através de

                       suas palavras  me autorizou a dominá-lo! Ele não vai receber o Fi-

                       lho do Homem. Ele é meu!

ANJO 1 - Eu tenho direito  de sustentá-lo. Alguém está orando por ele! Alguém

                 está pagando um preço por ele. E à poucos instantes, ela pediu para o

                 pai, a uncão de conversão sobre ele, e eu vim trazê-la.

MENTIRA - Você não tem esse direito! Ele é meu!

ANJO 1 - A oração pode tudo! A oração daquela filha de Deus tem que ser aten-

                 dida, é promessa da palavra de Deus. Você não pode impedir isso, ela

                 está orando!

MENTIRA - Já sei quem é. É  aquela crentinha, a Carmem! Vou acabar com ela.

ANJO 1 - O maligno não pode tocá-la! Foi me dado ordens à seu respeito! Ela es-

                 tá revestida com a armadura de Deus! Ela é santa! 

MENTIRA - Blá, blá, blá!  Atenda logo à sua oração e dê o fora daqui! Ele nun-

                      ca vai se converter, nunca! Está ouvindo? Nunca! Nunca! Ele é nos-

                      so! Nosso! Eu posso matá-lo!

(DESEMBAINHA A SUA ESPADA E VAI ACERTAR AS COSTAS DO RAFAEL,O ANJO IMPEDE COM A SUA ESPADA)

ANJO 1 - Não! A serva está orando por ele!

MENTIRA - Vamos lutar por ele!

ANJO 1 - Ainda não é chegada a sua hora.

MENTIRA - Reúna os seus soldados, pois não vou abrir mão desse derrotado.

                      Vamos acabar com vocês!

ANJO 1 - Que a vontade do Senhor prevaleça! 
 

CENA 4 

(O RAFAEL ESTAVA SAINDO DA ESCOLA E A TURMA O CERCA)

NICK - Que surpresa mais agradável...

RAFAEL - Me deixem em paz!

NICK - Me deixem em paz...(ZOMBANDO MUDANDO DE VOZ) Que é isso

              caro amigo...

RAFAEL - Não sou seu amigo...

NICK - Vou te dizer uma coisa... não vou com a sua cara! Não gosto de você!

RAFAEL - Me responda uma coisa... na sua casa tem espelho? Acho que não...

                   já deve ter quebrado todos!

NICK - Está curtindo com a minha cara? Vou te dar uma lição!(AVANÇAM NELE, APARECE A CARMEM E A NINA)

CARMEM - Ei! Prá quê tanta violência?

NICK - Não acredito...

CARMEM - Por que faz isso? O que há com você?

NICK - Não se meta comigo! Saia do meu caminho antes que eu estoure seus

             miolos!

CARMEM - Vamos analisar a situação: você é mais forte que nós. Mas isso tudo

                       é uma máscara.  Pois sei que aqui tem um coração sensível e triste.

                       Você é vazio por dentro. Embora rodeado por eles, se sento muito

                       só. Você precisa de Jesus!

NICK - Eu não preciso de ninguém! Eu não sou assim. Eu sou feliz...

CARMEM - Quero te ajudar... estou aqui para te oferecer algo que pode mudar

                     sua vida...

NICK-Rafael, como pode ser amigo de uma panaca como esta?Vira homem cara!

           Nós aqui somos unidos. Andamos juntos, nos divertimos prá valer... Já tá

           na hora de você virar homem... vamos sair daqui! Venha com a gente!

CARMEM - Rafael, não vá!

NICK - Venha Rafael... ou você é covarde demais para aceitar?

RAFAEL - Eu não sou covarde!

NINA - Rafael, você é precioso para Jesus, ele mudou minha vida e vai mudar a

             vida também... não entre nessa fria!

NICK - Vamos embora turma... já vi que ele não passa de um covarde...

RAFAEL - Esperem! Eu vou com vocês!

(COMEMORAM)

NICK - E quanto a você, esse é meu último aviso... saia do meu caminho! Passe

             bem longe de mim, não cruze o meu caminho! Pois eu te juro, se me tor-

              rar de novo eu acabo com você! Ouviu? Eu acabo com você!

NINA - Carmem, coitado do Rafael... o que vamos fazer?

CARMEM - Deus é fiel, sei que vai voltar. Vamos orar: Senhor, tu és fiel. Nunca

                      me abandonaste. Tu tens um plano na vida do Rafael, por isso te

                    peço, guarde a vida dele.Envie teus anjos para o guardarem.(NESSE              MOMENTO CHEGAM ANJOS E FAZEM UMA MEIA LUA EM VOLTA DELAS) Senhor, sei que esta guerra já está ganha e profetizo: O Rafael é mais

que vencedor! (NESSE MOMENTO OS ANJOS LEVANTAM SUAS ESPADAS E SAEM CORRENDO ORDENADAMENTE ATRÁS DO RAFAEL)

NINA - Carmem... confio em Deus!

CARMEM - Eu também Nina. A palavra diz que dará ordens aos anjos à nosso

                      respeito. Sei que nesse momento já foram liberados anjos em favor

                      do Rafael. Mas precisamos dobrar nossas orações. Não podemos

                      parar. Vamos orar sem cessar. Eu sei que nós veremos o poder de

                      Deus nessa história! 

CENA 05 

NICK - Grande Rafael... Vai dá outra golada!

RAFAEL - Eu não dou conta!

NICK - Pára de ser mole Rafael...

MANUELA - Rafaelzinho... uma goladinha só.

RAFAEL - Tá bom! (VIRA O COPO)

(COMEMORAM)

NICK - Isso que é vida! Olhem um casal... veja que relógio bonito que ela está

             usando!

MANUELA  - Eu o quero!

NICK - Então você o terá! (ELE  PEGA SEU CANIVETE)

MANUELA - Espere! Vamos deixar que o Rafael faça isso!

RAFAEL - Eu?

MANUELA - É, você! Vai lá e pegue o relógio prá mim...

RAFAEL - Não posso fazer i9sso!

MANUELA - Pode sim...

NICK - Não, ele não pode! Ele é um covarde!

MANUELA - Ele não é um covarde... ele tem coragem não tem?

RAFAEL - É claro que tenho... é que...

MANUELA - Então prove! Vai lá e traga o relógio prá mim!

(NESSE MOMENTO APAGA-SE A LUZ DO PALCO E POUCOS SEGUNDOS DEPOIS APARECEM OS DEMÔNIOS POSICIONADOS NA CENA.O RAFAEL VAI LÁ DISFARÇADAMENTE CHEGANDO LÁ...)

RAFAEL - Eu quero esse relógio!

RAPAZ - Como?

RAFAEL - Eu quero o relógio dela...

(O RAPAZ SE LEVANTA E O RAFAEL ARMA O CANIVETE NA CARA DELE)

RAFAEL -Acho bom você ficar bem quietinho antes que eu te faça uma plástica!

                  Agora anda, me passe o relógio! Rápido! Valeu , saudações!

(SAEM FESTEJANDO COM OS DEMÔNIOS) 

CENA 06 

(NO ESCONDERIJO...) 

TODOS: Rafael! Rafael! Rafael!

MANUELA - Como você é corajoso!

NICK - Como foi? Gostou?

RAFAEL - Claro!

NICK - Vocês viram a cara deles? Rafael você é o máximo, cara!

(A MANUELA VAI LÁ E BATE NO ROSTO DO RAFAEL)

RAFAEL - Ei, qualé?

MANUELA - Esse foi o selo da minha gratidão... agora a recompensa. (DÁ UM BEIJO NO ROSTO DELE, ENQUANTO ISSO TODOS SAÍRAM DO PALCO

DEIXANDO O RAFAEL E A MANUELA A SÓS)

MANUELA - Tenho uma coisinha prá gente... (TIRA UM BASEADO)

RAFAEL - Obrigado, eu não fumo!

MANUELA - Hoje vai fumar... ou vai me deixar sozinha? Não se deve deixar u-

                        ma  dama sozinha... nunca!

RAFAEL - Mas eu não gosto disso.

MANUELA - Rafael, você tem muitos problemas não é?

RAFAEL - Tenho.

MANUELA - Pode confiar em mim. Me fale sobre eles...

RAFAEL - Sou muito sozinho... nunca tive amigos...

MENTIRA - Você é um derrotado!

RAFAEL - Sou um derrotado!

MENTIRA - Você é um pobre coitado...

RAFAEL - Sou um pobre coitado... um...

MENTIRA - Covarde!

RAFAEL - Sou um...

MENTIRA - Covarde!

RAFAEL - Covarde! Gostaria de vencer na vida... gostaria de ser feliz!

MANUELA - Vou te oferecer a felicidade!  Aqui está ela!

RAFAEL - Eu não posso!

MANUELA - Isso vai te fazer esquecer  sua angústia. (ELA TRAGA) Que delícia! Vai nessa, prove!

(ELE PROVA, TOSSE. OS DOIS CONTINUAM FUMANDO E APARECE OS  ANJOS  NO CANTO DO PALCO, UM FOCO NA CARMEM ORANDO)

MENTIRA - O que querem aqui?

ANJO  1 - Temos ordens!

IMPUREZA - Ordens? Vocês estão em nosso território! Vamos matá-lo!

ANJO 1 - Estou aqui para impedir isso. Sei que ela vai matá-lo. Sei que o Nick

                 mandou ela matá-lo. Não vamos deixar.

INTRIGA - Ele vai morrer. Estamos em nosso terreno. Vocês não podem fazer

                    nada!

ANJO 1 - Vamos lutar por ele! (TODOS DESEMBAINHA SUAS ESPADAS)

MENTIRA - É prá já!

(QUANDO VÃO LUTAR, APARECE BAAL)

BAAL - Parem!  Não haverá luta! O eu querem aqui?

ANJO 1 - A serva do Senhor está orando por ele. Sei que quer matá-lo nesse exato momento. Isso não vai acontecer. Não vamos deixar.

BAAL - O seu Deus é justo. E por justiça, vocês não tem o direito de mandar aqui. O território é meu! Portanto eu ordeno: Saiam já daqui! Agora!

ANJO 1 - Não vai matá-lo!

BAAL - Não me dê ordens, se não vou acabar com você! Ela vai matá-lo com um

              punhal que está no bolso de sua jaqueta e vocês não poderão impedir!

(A MANUELA ENFIA A MÃO NO BOLSO E TIRA UM BATOM, ELA NÃO ENTENDE NADA E FICA PROCURANDO NOS OUTROS BOLSOS O PUNHAL. O ANJO 1 MOSTRA O PUNHAL PARA O PÚBLICO E SAI DE CENA)

BAAL - Como isso pôde acontecer? Isso não é possivel! (PEGANDO INTRIGA PELO PESCOÇO E LEVANTANDO - O) Mandei vigiá-la! Demoniozinho imprestável! (ATIRA-O PARA LONGE) Isso não vai ficar assim! Isso não vai ficar assim! 

CENA 07  

(APARECE O RAFAEL NO PALCO PREPARANDO UMA SERINGA E INJETA NO SEU BRAÇO. OS DEMÔNIOS APARECEM E COMEÇAM A FAZER A PANTOMIMA COM OS DEMÔNIOS COM A MÚSICA DE TEMPO. APÓS A CENA, ELE FICA NO PALCO DEITADO TODO MACHUCADO, CANSADO E FATIGADO. APARECE A CARMEM COM OS ANJOS)

ANJO 1 - Chegou a hora!

BAAL - Estava esperando por isso! Não vamos deixar ela chegar perto dele!

ANJO 1 - Ela vai ajudá-lo!

BAAL - Não se eu puder impedir!

(ELES FICAM DE LADO OLHANDO)

CARMEM - Rafael...

RAFAEL - (CHORANDO) Me ajude...

CARMEM - Levante-se!

(COMEÇA A PANTOMIMA ASHTON...) 

CENA 08  

(CENA DO ESCONDERIJO, O PESSOAL DO NICK ESTÃO DROGADOS. COMO SE FOSSE UMA FESTA DE MACONHEIROS, CHEGA A CARMEM E O RAFAEL)

NICK - Olha quem está aqui pessoal.

RAFAEL - Oi?

MANUELA - Que surpresa! O meu gatinho!

NICK - Veio festar com a gente?

RAFAEL - Não, eu...

NICK - Olha só quem está aqui? Resolveu passar pro meu lado?

CARMEM - Sempre estive do seu lado...

NICK - Nossa, então eu fui muito idiota prá não perceber...

CARMEM - Você precisa de ajuda!

NICK - É verdade, eu admito, me empresta uma grana?

RAFAEL - Cara, descobri algo novo...

NICK - O que? Material melhor que o meu?

RAFAEL - Muito melhor, dá de 10 no seu.

NICK - Impossível, o meu é o melhor da região, que material é esse? Onde conseguiu?

RAFAEL - Um material que mudou minha vida... JESUS!

NICK - Não acredito... virou crente também?

RAFAEL - Conheci Jesus. Ele mudou minha vida... vim até aqui prá falar do amor dele prá você.

NICK - Como se atrevem a vir até aqui p 
prá falar de religião prá mim? (ABRAÇANDO A MANUELA) Aqui a minha religião aqui...

CARMEM - Você não é feliz... até quando vai viver assim? Se matando aos poucos?  Você vive cercado de pessoas, mas se sente sozinho.

NICK - Vocês são muito otários... se arriscam demais. Tenho vocês em minhas mãos, posso matá-los agora mesmo. Como se atrevem a invadir meu espaço prá falar de bíblia?

CARMEM - Isto é uma prova do tanto que te amamos. Se o que pregamos não tivesse valor, acha que estaríamos aqui nos arriscando?

RAFAEL - Manuela, você é muito especial prá Jesus. Ele quer tirá-la dessa vida. Ele tem felicidade plena prá você! Olhe prá você! Até quando vai viver assim?

NICK - Já chega! Não quero mais ouvir...

CARMEM - Você é corajoso Nick?

NICK - Muito. (DÁ UM MURRO NA  BARRIGA DELA) Posso matá-la agora!

CARMEM- Se isso te satisfaz, mate-me! Esse murro só fez aumentar o meu amor por você. Saiba que Jesus o ama muito e eu também.

NICK - (BERRANDO) Eu não aguento mais esse papo!!! Saiam daqui! Saiam daqui! Me deixem em paz!!!!!!!

CARMEM - A sua hora chegou! Eu declaro, você é do Senhor Jesus! Se você for homem mesmo, se você for corajoso, eu te espero amanhã lá na igreja, a palavra de Deus vai impactuá-lo a partir de agora. Que o Espírito Santo te inquiete.

NICK - (CHORANDO) Por que faz isso comigo? Acha que gosto dessa vida? Sou um viciado... fui criado assim. Meu pai era um travesti e minha mãe dona de prostíbulo. Nasci para ser um desgraçado! Por que não sai da minha vida e me deixe morrer em paz?

CARMEM - Porque você não vai morrer assim. Alguém o amou tanto a ponto de dar seu único filho por você! Eu posso tirá-lo dessa vida! Eu te espero amanhã. Nada vai impedí-lo de ir até lá! Lá na igreja tem pessoas que vão te ajudar. Nosso pastor tem um coração aberto prá te ajudar.

NICK - Que pastor o quê?! Eu não vou! Eu não vou!

(SAEM) 
 

CENA 09 

MENTIRA - Você não vai!

IMPUREZA - é mesmo, não vai!

INTRIGA - Você é feliz com a gente... você é nosso!

(CENAS DE OPRESSÃO)

NICK - Mas eu não quero viver assim! Eu não aguento mais!(CHORANDO) Eu vou lá!

(ELE SAI E CHEGA BAAL)

BAAL - Onde está nosso derrotado?

(OS DEMÔNIOS SE CURVAM EM SILÊNCIO)

IMPUREZA - Não pudemos fazer nada!

BAAL - Então, eu o matarei! (VÃO SAINDO)

ANJO 1 - Nada disso! Viemos lutar por ele!

BAAL - Que seja a luta final! 

( O CAMPEÃO) 

CENA 10 

(NO PALCO OS PASTOR, A CARMEM,  O RAFAEL E A NINA ORANDO)

NICK - Me ajudem! Me ajudem!(CHEGANDO COM OS TRÊS DEMÔNIOS)

CARMEM - Calma!

PASTOR - Venha filho, é chegada sua hora!

NICK - Oque preciso fazer prá ser feliz.

PASTOR - Receba Jesus em seu coração! Você quer?

NICK - Sim eu quero!

PASTOR -  Mentira, eu te repreendo em Nome de Jesus! Saia agora dessa vida!

(MENTIRA É EXPULSO GRITANDO)

PASTOR - Vícios, eu te repreendo em Nome de Jesus! Saia agora dessa vida!

(VÍCIOS QUE É O MESMO PERSONAGEN DE IMPUREZA É EXPULSO GRITANDO)

PASTOR - Intriga e violência, sai agora dessa vida em nome de Jesus!

(ACONTECE O MESMO COM ESSE DEMÔNIO)

( A PARTIR DAÍ,  COMEÇA UMA MÚSICA E ATRAVÉS DE MÍMICA, O PASTOR ORA COM ELE PARA QUE RECEBA JESUS. OS ANJOS FAZEM FESTA . OS PERSONAGENS SAEM DO PALCO, DAÍ ACONTECE O ENCERRAMENTO COM A REVERÊNCIA DOS ANJOS PARA JESUS QUE CHEGA.)

ANJO 1 - Missão cumprida! Quem é o próximo?

(JESUS OLHA PARA O PÚBLICO E APONTA)  

Escrita em 12/1997 

 

Visite os sites do autor. Dicas e exercícios de teatro Baratas de Palco e Peças Teatrais Meu Teatro

 

Se montar esta peça, faça contato com o autor, diga-lhe como foram o trabalho e os resultados. Jaime Junior

Autores: 
Estilos: 
Temas: 
Diversos: