EU ESCOLHO A LUZ - Teatro para Halloween

EU ESCOLHO A LUZ - Teatro para Halloween

Dois detetives, um investiga as “Coisas” da Luz” o outro pesquisa sobre as “Coisas das Trevas”
Em determinado momento as evidências se encontram.
Como Luz e Trevas não se misturam, quando se aproxima de um, automaticamente, se afasta do outro.
É um convite para que todos escolham a LUZ

Peças sobre o mesmo tema:


UMA VIDA SEM HALLOWEEN

 

HALLOWEEN – TÔ FORA!


 

CENA I
(Música de fundo. Um detetive entra em cena ao ritmo da música que inspira mistério. Com chapéu, óculos escuros, maleta, lanterna e lupa)
DETETIVE I:   Olá! ...Faz tempo que estão aqui?
Somente agora que percebi. Quem são vocês??? Não!
Um detetive como eu deve descobrir por si mesmo.
Deixe-me ver… (examina com a lupa)
Deixe-me ver…
Em primeiro lugar… deduzo que muitos de vocês são crianças.  
Em segundo lugar eu deduzo que vocês querem que este tempo que estão aqui seja um tempo gostoso. (Para o público)
Acertei?
É verdade?
PUBLICO:   …
DETETIVE I:   Deixem eu me apresentar.
Meu nome é Dark Black.
Mas não se confundam por causa do meu nome, eu sou mais brasileiro do que arroz com feijão.
O meu nome significa Preto Escuro, uso este nome por causa da minha profissão.
Minha atividade principal é investigar tudo o que está obscuro e oculto.
Eu busco respostas para perguntas como estas:
Porque há noites que são das bruxas?
Que há de especial nas noites de lua cheia?
Porque algumas pessoas preferem andar e fazer coisas na escuridão?
Posso contar pra vocês; Eu estive investigando, lendo livros, pesquisando na internet…
Sabem o que eu descobri?
PÚBLICO:   
DETETIVE I:   Descobri que desde a antiguidade há pessoas que pensam que, quando a lua redonda brilhante no meio da noite, poderiam se comunicar melhor e mais livremente com supostos seres sobrenaturais.
Então, essas pessoas colocaram roupas especiais e fizeram rituais estranhos, para receber mensagens do além.
Eles esperavam que essas mensagens pudessem beneficiá-los, livrando-os de coisas ruins, favorecendo o cumprimento de seus desejos e permitindo que eles fossem mais felizes.
Quando eu era pequeno acreditava que a escuridão estava cheia de criaturas misteriosas, personagens fantásticos, que faziam barulhos correndo por cima dos móveis, por trás das cortinas assustando os pequeninos…
E isso me deixava com muito medo.
Além disso, descobri no meu livro de inglês que há por lá uma festa muito diferente. É a Festa do Halloween, já ouviram falar desta festa?
PÚBLICO:   
DETETIVE I:   Por diversão comecei a me fantasiar de fantasma. Também comecei a decorar a minha casa com morcegos e abóboras, brincava com alguns amigos que tinham fantasias de bruxas ou monstros…
Não havia uma razão pela qual fazíamos isso.
Vocês fizeram coisas parecidas com estas em casa ou na escola?
No começo tudo parecia muito divertido, depois comecei a ficar confuso e com medo…
Um dia...

CENA II

(Aparece um professor com a Bíblia na mão e algumas figuras. Se encontra com um menino que representa o detetive ainda criança. O detetive adulto sai de cena)
PROFESSOR:   Existe um reino que é o da escuridão.
Um príncipe Maligno governa o reino da escuridão já faz muito tempo.
Ele está empenhado em enganar, matar e destruir…
E ele consegue isto com todos os que dão lugar em suas vidas, por isso mentem, roubam... falam palavrões... (para os meninos) -
Vocês pensam em mais alguma coisa que a gente faça e sabemos que não é certo?
(Se o público não responder, a criança no palco pode participar com suas contribuições).
PROFESSOR:  Essas coisas, Deus chama de PECADO.  “o pecado entrou no mundo por um homem, e pelo pecado a morte, assim também a morte veio a todos os homens, porque todos pecaram;”
Você, eu e cada um de nós pecamos e, portanto, estamos separados de Deus. Deus é luz, não há trevas nEle. (Mostra um auxílio visual alusivo).
A Bíblia também diz que aqueles que praticam magia, adivinhação, feitiçaria, não são filhos de Deus.
Sem Deus e sem luz, a vida é muito triste.
Diz exatamente assim: “Porque todo aquele que faz o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas.”
É por isso que a festa de Halloween é comemorada à noite, no escuro.
(Professor e filho saem)

CENA III

(Aparece um detetive, com um vestido discreto e uma pasta)
DETETIVE 2: - Oi pessoal!
Que bom que vocês puderam vir!
Fui informada que hoje teríamos visitas especiais...
Bem-vindos...
Como vai? ………………
Oh, perdão! Eu não me apresentei...
Eu sou Dona Clara Luz... Como meu nome indica... Investigo tudo o que tem a ver com clareza.
Desde pequena, fui atraído pela luz e pelo brilho.
Além disso, aprendi com a Palavra de Deus que existe um Reino, chamado O REINO DA LUZ.
Vocês sabem?!
Fiquei muito intrigada quando soube que o rei mantém este reino totalmente claro, desde o início até hoje, sem falhas ou apagões.
Querem que eu conte o que descobri até agora?
…………….
Um dia, quando criou o mundo, o Rei da Luz disse: “Haja luz” E houve luz!
Assim, dia a dia, tantas maravilhas, tantas cores vieram à luz, paisagens, animais e, finalmente, o ser humano tomaram forma.
(Enquanto Clara descreve a criação, podem aparecer crianças caracterizadas como sol, lua, estrelas, pássaros, mamíferos, plantas e pessoas)
Como tudo fica lindo quando está iluminado!
Nós vemos as coisas como elas são.
Muitas vezes, precisamos de objetos que nos ajudem a iluminar, como uma lâmpada, uma vela, uma lanterna.
Mas, há um lugar onde a luz nunca sai, nunca fica fraca...
É o céu, o lugar onde Deus mora. (Você pode mostrar uma imagem que represente o céu.)
Com sua presença, Ele ilumina o lugar precioso que está preparando para nós.
Deus é eterno e vive para sempre.
E sua casa também é eterna.
Lá não há tristeza, nem lágrimas, nem doença, nem morte, nem escuridão.
Em vez disso, há alegria, Deus e o Senhor Jesus.
Em um livro especial, Deus tem os nomes de seus filhos anotados.
Porque Deus nos ama tanto, tanto, ele quer que estejamos juntos para sempre em sua casa maravilhosa.

Cena IV

VOZ OCULTA:    Um dia, nossos amigos, os detetives Dark Black e Clara Luz, se conheceram.
Eles estavam seguindo as pistas que os levariam a resolver seus enigmas, e de repente, eles se viram frente a frente.
Eles se cumprimentaram, se apresentaram ... e começaram a conversar.
(Enquanto a história é ouvida, os dois detetives caminham pelo palco, até se encontrarem e imitarem um diálogo).
VOZ OCULTA:    Os detetives descobriram que estavam investigando coisas completamente opostas.
Um investigou a luz, enquanto o outro estudou a escuridão.
São duas coisas tão opostas que não podem ser misturadas ou colocadas juntas.
Em uma caixa, não dá para colocar um pouco de luz e um pouco de escuro. (Os detetives olham para uma caixa que se está segurando)
Uma sala não pode ser iluminada e ao mesmo tempo totalmente escura.
Não se pode ser de dia e à mesma hora à noite.
Da mesma forma, a Bíblia pergunta: Como a luz pode ser companheira das trevas?
De maneira nenhuma. É impossível!
DETETIVE I: - Como ouvimos, existem dois reinos completamente diferentes e opostos. Feche os olhos por um momento e mantenha-os fechados.
Um desses reinos é o Reino das Trevas. Seu príncipe é poderoso, mas foi derrotado.
DETETIVE II: - Agora, abra os olhos!
O outro reino é o Reino da Luz. Seu rei é todo poderoso e vitorioso.
Cerca de dois mil anos atrás, o príncipe das trevas lutou com o Rei da Luz. Foi uma luta muito dura.
O Rei da Luz venceu.
DETETIVE I: - Mas, embora derrotado, o Príncipe das Trevas continua procurando aqueles que o seguem e o obedecem.
VOZ OCULTA:    Que problema! Como escapar do reino das Trevas e alcançar o reino da Luz?
Dark Black e Clara Luz começaram a pensar no que poderiam fazer.
Eles precisavam resolver este caso.
Eles abriram suas pastas e procuraram alguns itens para ajudá-los a encontrar as respostas.
DETETIVE II: - Olha, Dark Black!
Neste livro, certamente encontraremos alguma pista. (Ele mostra uma Bíblia. Ele a abre e os dois se sentam para lê-la)


CENA V

VOZ OCULTA:    (lê-se enquanto a história é dramatizada). Há muito tempo, vivia um homem muito rico, que se vestia com roupas caras e dava festas luxuosas.
Parece que esse homem nunca se importou com os outros, em Deus também não tinha o menor interesse.
Na porta de sua mansão, no chão, estava sentado um pobre mendigo chamado Lázaro.
Este mendigo estava muito doente e cães vadios vieram lamber suas feridas e feridas.
Lázaro, que não tinha nada para comer, esperou para aproveitar o lixo que era jogado da casa do rico e assim se alimentar.
Apesar de seu sofrimento, Lázaro confiou em Deus.
Um dia, os dois morreram.
E vocês sabem o que aconteceu?
Cada um deles foi para um reino diferente.
O homem rico foi para o triste Reino das Trevas, enquanto Lázaro foi saudado com alegria no Reino da Luz.
O rico, por mais que quisesse sair daquele lugar, não conseguia sair da escuridão eterna.
Mas, embora Lázaro quisesse ajudá-lo, ele não poderia passar para o outro reino.
Quando deixarmos este mundo, todos nós iremos para o Reino que escolhemos, e será para sempre.
(Os atores deixam a dramatização bíblica. Os detetives tiram um mapa da mala).

CENA VI

DETETIVE I: -Nós Veremos se este mapa pode nos ajudar a encontrar o caminho para o Reino da Luz.
DETETIVE II: - Hmmmm… É. Olha…. Aqui é indicado que existe apenas um caminho, e que sua entrada tem a forma de uma cruz e um túmulo vazio. O Senhor Jesus disse que Ele é o caminho.
VOZ OCULTA:    Jesus é o único e perfeito Filho de Deus.
A Bíblia diz que quando ele deu sua vida na cruz, ele estava sendo punido por nossos pecados.
E naquele momento, tudo se encheu de escuridão.
Certamente, naquele momento, o Príncipe do Reino das Trevas pensou que a vitória já era dele.
Mas não foi assim!
Depois que Jesus morreu por nós e foi sepultado, ele voltou à vida.
O Rei da Luz derrotou o Príncipe das Trevas.
DETETIVE II: - É por isso que Ele é o único caminho, e o único que pode nos resgatar do Reino das Trevas, e nos dar a segurança de pertencer ao Reino da luz e à família de Deus!
O sangue de Jesus Cristo, o Rei da Luz, nos purifica de todo pecado.
DETETIVE I: -Com esta lupa podemos ver se encontramos algum vestígio que nos conduza ao Reino da Luz.
(Os dois caminham, olhando atentamente para o chão, procurando.
DETETIVE II: - Pronto. lá Dark Black... Acho que aqui tem alguma coisa (Eles se abaixam e levantam um cartaz em forma de pegada que tem a palavra: RECONHECER. Eles mostram ao público. Eles fingem ler palavra)
DETETIVE I: -O primeiro passo para sair do Reino das Trevas é RECONHECER QUE ESTAMOS DENTRO DELE. (Os dois se olham)
VOZ OCULTA:    - Se você perceber que cometeu pecados, fazendo o que Deus não gosta, se você se arrepender disso, você está dando o primeiro passo.
DETETIVE II: - Tem outro! (Ele se aproxima e levantam outra pegada que tem a palavra ACREDITAR escrita nela. Ele também mostra ao público) - Deus espera que acreditemos em seu Filho Jesus Cristo.
VOZ OCULTA:    Hoje você ouviu que o Senhor Jesus morreu na cruz pelos seus pecados.
Você acredita sinceramente?
Se sim, preste muita atenção agora.
DETETIVE I: Olha! Outra mais! (Mostra ao público a terceira pegada. Diz RECEBER) - A Bíblia diz que aqueles que o receberam e creram nele tiveram o privilégio de se tornarem filhos de Deus.
VOZ OCULTA:    Isso significa que você deixa o Reino das Trevas para ir para o Reino da Luz, e assim você se torna parte da família de Deus para sempre.
DETETIVE II: (Ele está procurando nos bolsos da pasta e tira uma chave, grande o suficiente para se distinguir de longe) - É uma chave bem estranha ...
VOZ OCULTA:    - É a chave da Oração da fé.
DETETIVE I: - E para que serve?
VOZ OCULTA:    Abra uma porta em forma de cruz. É a chave que nos permite entrar no Reino da Luz.
DETETIVE II: - E como é utilizado?
VOZ OCULTA:    É muito simples. Você apenas tem que falar com Deus dizendo a Ele que você deu aqueles três passos que o levam a Ele e ao Seu Reino.
Diga a ele que você sabe que cometeu pecados e que está no reino das trevas.
Diga a ele que você quer sair deste reino.
Diga a ele que você acredita que o Senhor Jesus é o único que pode ajudá-lo porque ele morreu por você.
Diga a ele que você deseja recebê-lo como seu salvador e como o rei de sua vida.
Se você nunca fez isso antes, você pode fazer agora.
(A mesma voz pode orientar as crianças em uma frase simples)
DETETIVE I: - Ei! Olhem isto!
DETETIVE II: - Uma certidão de nascimento! (Eles olham e mostram ao público)
VOZ OCULTA:    Quando nascemos, nossos dados são escritos em um documento: Nosso nome, nossos pais, nossa nacionalidade, o dia em que nascemos ... É a Certidão de Nascimento.
A Bíblia diz que quando alguém recebe o Senhor Jesus e se torna filho de Deus, seu nome fica registrado em um livro muito especial que está no céu: o Livro da Vida do Cordeiro.
DETETIVE I: - É como uma certidão de nascimento no céu!
VOZ OCULTA:    Isso mesmo. Porque aqueles que recebem o Senhor Jesus nascem de novo no Reino da luz.
Cada um de vocês pode se juntar a nós hoje. Já tenho o meu, porque já dei esses três passos.

CENA VII

PROFESSOR: (aparece pela primeira vez, não como personagem, mas como aquele que vai encerrar este momento e depois orientar os recém-convertidos *)
- Fico muito feliz por saber que vocês são são filhos da Luz, filhos do Rei da Luz.
O príncipe das Trevas, que é inimigo de Deus não tem mais direitos sobre a  suas vidas.
A Bíblia diz:  "Porque outrora vocês eram trevas, mas agora são luz no Senhor. Vivam como filhos da luz, (Efésios 5:8)
Vocês viviam nas trevas, mas agora, porque estão unidos ao Senhor Jesus, vocês vivem na luz.
A Bíblia nos pede que, com a ajuda do Rei da Luz, que abandonemos tudo o que tem a ver com as trevas: pecado, coisas ruins, tudo o que fazíamos antes sem Deus. Como Deus é luz, ele também espera que fiquemos longe das coisas que têm a ver com o príncipe das trevas: festas de bruxas e fantasmas, jogos de bruxaria, contos de magia, histórias de terror.
O Pai da Luz espera que mostremos aos outros o brilho da presença do Senhor Jesus que está em nossas vidas.
DETETIVE I: E como você faz isso?
PROFESSOR: - Por meio da Bíblia, Deus nos mostrará como podemos ser luz em nossa casa, nossa vizinhança, na escola e onde quer que estejamos.
DETETIVE I: - Você sabe de uma coisa? 31 de outubro parece ser um dia mais escuro do que os outros.
Muitos estão se preparando para celebrar o Príncipe das Trevas.
Este é o caminho certo para se afastar da Luz.
DETETIVE II: - Aí que se faz necessária  a luz poderosa do Senhor, para iluminar e indicar caminho certo.
PROFESSOR: - Agora que vocês são filhos de Deus e parte do Reino de Luz, vamos pedir a Deus que ajude a brilhar tão fortemente com as palavras e com a vida para que outros possam conhecer Jesus. Para que possam saber que jesus é o único caminho para entrar no Reino de a Luz.
Vamos orar juntos.
Existem muitas oportunidades que vocês podem aproveitar para ajudar outras pessoas a saírem das trevas e entrarem em sua maravilhosa luz.
(Conduza as crianças em uma oração de dedicação. Você pode convidar aqueles que desejam fazer esta oração a se levantarem. No final, chame as crianças que receberam Jesus hoje para um momento especial de aconselhamento. Faça perguntas para verificar se eles entenderam a mensagem e se eles receberam a Cristo.
Dê a eles um versículo que confirme sua decisão, por exemplo, João 1:12 ou Efésios 5: 8)

5 personagens mais a participação, opcional, de crianças.

(Dramatización basada en la lección homónima, de Irene Pérez)

Fonte WEB - MINISTERIO INFANTIL ARCOIRIS

Estilos: 
nº de personagens: