CRIANÇA DE JESUS

Versão para impressão
Jesus com as criancinhas

Na escola algumas crianças e a professora creem em Cristo, são boas influências, testemunham, falam do Salvador. Fazem um contra ponto ao funk(popular brasileiro, cheio de malicia e maldade) com a música “Criança de Jesus” da Aline Barros.

Com a mensagem uma família é alcançada, e várias crianças aceitam o desafio de servir a Jesus.

Há uma oração de entrega e confissão dentro da peça.

Personagens: Professora Iza, Joãozinho, Mariazinha, Thiago, Caio, Bia, Pedrinho, Daniel e Alice.

 

Recomendado para crianças a partir de 5 anos de idade.


 

NARRADOR: Vou contar uma história pra vocês, essa história vai falar sobre a vida de João e Maria, eles eram cristãos assim como vocês, e estudavam em uma escola muito legal. O ruim da escola que eles estudavam era porque os amiguinhos deles não eram crentes também, não conheciam Jesus. Certo dia, Joãozinho e Mariazinha foram pra escola, eles se acordaram bem cedo, tomaram o café e pediram a bênção ao papai e a mamãe e logo foram pra escola. Sabe o que aconteceu lá? Vamos ver:

JOÃOZINHO: Ah Mariazinha! Hoje o dia está tão bonito! Eu sempre acho bom ir pra escola!

MARIAZINHA: Eu também Joãozinho! Na escola eu me divirto muito com os nossos amiguinhos além de aprender muitas coisas!

JOÃOZINHO: É Mariazinha, ontem eu aprendi que 2+3 é 5

MARIAZINHA: Foi mesmo João! Eu tô lembrada! E tu tá lembrado que a gente aprendeu também que 2x3=6?

JOÃOZINHO: Sim. Sim. Mariazinha!

MARIAZINHA: Pois vamos entrar na sala Joãozinho! A professora Iza já tá esperando a gente.

(Joãozinho e Mariazinha vão entrar na sala, a professora espera todos os alunos na porta sala)

PROFESSORA: Bom dia Joãozinho e Mariazinha! Vocês estão bem?

JOÃO e MARIA: Sim professora! Bom dia pra senhora também! (Eles abraçam a professora)

(Entram 2 crianças com tablets)

PROFESSORA: Bom dia Thiago! Bom dia Caio!

(Thiago e Caio ficam jogando)

THIAGO: Aaai Cara! Quase que eu morro agora !

CAIO: Nem me fale macho! Eu bati meu carro umas 3 vezes já!

PROFESSORA: Thiago! Caio!

(Thiago e Caio tomam um susto)

THIAGO e CAIO: ann?? Oi professora!

CAIO: A senhora falou comigo?

PROFESSORA: Falei com vocês dois! Dei bom dia e vocês nem me ouviram!

THIAGO: Ahh professora! É que o jogo aqui tá muito legal!

PROFESSORA: Vocês têm que parar com isso! Tem tempo pra tudo, gente. E agora a hora é de estudar, não de ficar jogando. Guardem seus tablets porque agora não é hora de mexer.

THIAGO: Aaaah professora! Jajá a gente guarda

CAIO: Professora, espera só mais um pouquinho! A gente já, já guarda!

PROFESSORA: Estou avisando pro bem de vocês!

(Chega 1 criança ouvindo a batida de funk em uma caixinha de som, ela está dançando)

PROFESSORA: Bia, bom dia! O que é isso?

ALICE: Bom dia ae professora!

PROFESSORA: O que você está ouvindo? Que musica feia é essa?

ALICE: Ah professora, foi uma música que minhas amigas lá da me rua me mostraram! Elas querem que eu aprenda a dançar até hoje, se não eu não entro no grupinho delas!

PROFESSORA: Sua mãe sabe que você tá ouvindo essas músicas. Bia?

ALICE: Sabe não professora! Mas ela não deixa eu ficar ouvindo, ela mandou eu me afastar dessas minhas amigas da rua!

PROFESSORA: Pois eu também não vou deixar você entrar na sala ouvindo, desligue esse som!

ALICE: A senhora é chata or professora! Tem nada a ver

PROFESSORA: Tem tudo a ver sim, Bia! Essa música é muito feia, só tem imoralidade e palavrão! Pare o som e entre na sala!

ALICE: Affff professora (desliga o som e entra) essa mulher não deixa nem a gente ouvir as músicas em paz!

PROFESSORA: Jesus, dá me paciência!

(Entra na sala o Pedrinho)

PROFESSORA: Bom dia Pedrinho, você está bem?

PEDRINHO: Tô bem sim professora, e você?

PROFESSORA: Estou muito bem também! Pode ir sentar que já, já começa a aula!

PEDRINHO: Certo, professora.

(Entra o Daniel)

PROFESSORA: Bom dia Daniel!

DANIEL: Bom dia tia!

PROFESSORA: Daniel, eu espero que você tenha feito a tarefa de casa. Semana passada você não fez!

(Pedrinho se levanta da cadeira com uma folha rasgada e vai até a professora. Enquanto isso, todos os alunos estão no segundo plano conversando bem baixo, Thiago e Caio estão jogando)

PEDRINHO: Professora, falar em tarefa de casa, o meu cachorro comeu a minha!

PROFESSORA: Não acredito! (Olha a folha) Você está mentindo Pedro, olha aqui, você nem copiou a tarefa!

DANIEL: (Com raiva) Tá mentindo mesmo professora! Eu tô com tanta raiva desse menino, muita raiva mesmo. Ele quebrou meu carro e ainda mentiu dizendo que o carro se quebrou sozinho porque tava velho.

PEDRINHO: Quebrou sozinho mesmo! E eu tô com mais raiva de você!

DANIEL: Eu nunca mais brinco com você!

PEDRINHO: E eu nunca mais nem falo com você

PROFESSORA: Meninos se acalmem! Vamos resolver esse assunto da maneira correta!

DANIEL: Eu só não te bato aqui porque a professora tá na nossa frente!

PROFESSORA: Daniel o que é isso? Bora, os dois! Vão se sentar agora!

(Pedrinho olha pra Daniel com a cara feia! Daniel dá língua pra ele. Os dois se sentam)

(A Professora se senta na cadeira. Os alunos estão falando muito alto e todos juntos)

PROFESSORA: Muito bem crianças! Vamos começar a aula!

(Entra a criança triste na sala)

PROFESSORA: Bom dia Alice! Tudo bem? Chegou um pouco atrasada, mas pode entrar!

(Alice entra de cabeça baixa e se senta!)

(Bia cochicha com Daniel em tom de deboche)

ALICE: OO meninazinha estranha viu! Parece um monstro!

DANIEL: É mesmo, parece a Fiona, só que mais feia.

(Os dois começam a rir bem alto)

PROFESSORA: Bia e Daniel, silêncio! Isso é feio, vocês sabiam? Não quero mais saber de conversa! Vamos começar a aula!

PROFESSORA: (Olha pro Caio) Caio!

(Caio está mexendo no tablet)

PROFESSORA: Caio estou falando com você!

CAIO: Oi? O que? (Toma um susto na cadeira) A senhora falou oq...

PROFESSORA: Caio, guarde esse tablet Caio! Você não pode ficar direto nesse tablet porque ele pode te prejudicar!

CAIO: Aaah professora! Perdi o jogo agora porque a senhora falou comigo!

PROFESSORA: Olha Caio, infelizmente eu vou ter que pegar seu tablet pra você prestar atenção na aula! (Professora sai do lugar dela e vai pegar o tablet do Caio, ela olha pro lado e vê o Thiago também com um tablet)

PROFESSORA: Thiago!

(Thiago toma um susto e cai da cadeira. A sala toda ri.)

THIAGO: O que professora?

PROFESSORA: Você também Thiago!! Já chega! Tá vendo até caiu da cadeira porque tá no mundo da lua! Vou pegar seu tablet também, na hora da aula não é hora de mexer no tablete!

THIAGO: Nããããããõ professora!!! O meu bebê o meu bebê! (Se desespera)

PROFESSORA: Siiiiiim Thiago! Seus pais têm que dizer pra você não se viciar nesses jogos!

(Professora pega o tablet dos dois e coloca na sua mesa)

PROFESSORA: Amanhã eu entrego!

Thiago e CAIO: O queee?? Só amanhã? (Gritando e desesperados)

PROFESSORA: Sim! Pra vocês aprenderem a viver pelo menos um dia sem esses jogos!

PROFESSORA: Vamos começar a aula. João, vamos lá, quanto é 2x2 ?

JOÃOZINHO: (Joãozinho se levanta ao lado da cadeira) Deixa eu pensar professora.... (Joãozinho pensa) é 4 professora?

PROFESSORA: Sim, Joãozinho, parabéns!

JOÃOZINHO: Obrigado professora!

PROFESSORA: Muito bem, vocês viram crianças ? O João é um exemplo, sempre estuda, vai pra igreja a noite, e tem o tempo certo de brincar! Pode sentar, João)

(Toca o alarme para o recreio)

Todos os alunos gritam: eeebaaa

PROFESSORA: Podem ir pro recreio lanchar, depois a gente volta!

(Os alunos pegam seus lanches e se sentam em rodas como descrito abaixo)

Roda 1: Joãozinho, Daniel e Thiago

Roda 2: Pedrinho e Caio

Roda 3: Mariazinha, Alice e Bia

(Joãozinho ora pra comer, Daniel e Thiago começam a rir dele. Enquanto isso todos os outros personagens ficam em segundo plano conversando baixo e brincando. Pedrinho e Caio estão brincando de carrinho.)

JOÃOZINHO: Papai do Céu, muito obrigado por este alimento. Em nome de Jesus , amém!

DANIEL: Há, há, há porque você fez isso? (rindo)

JOÃOZINHO: Eu tô agradecendo a Deus pela comida, eu sempre falo com o Papai do Céu

THIAGO: Nunca vi isso na minha vida.

JOÃOZINHO: Mas Deus ama cada um de vocês! Sempre devemos agradecer a Deus pelo alimento que Ele nos dá pra nós ficar fortinho!

DANIEL: Quem é Deus?

JOÃOZINHO: Deus é o dono de todas as coisas! Ele é o nosso Papai que mora no Céu. Ele nos ama muito e sempre cuida de nós!

THIAGO: Eu já ouvi falar em Deus!

JOÃOZINHO: Pois é isso mesmo! Vou contar, na igreja a gente adora a Deus, brinca, vai pra escola bíblica, pro cultinho de crianças, a gente ora, faz um monte de coisas legais.

DANIEL: E vocês cantam também lá?

JOÃOZINHO: Sim, sim, a gente canta muito!

THIAGO: Deve ser bom lá!

JOÃOZINHO: Vou contar mais pra vocês!

NARRADOR: Enquanto Joãozinho vai falando pros seus amiguinhos como é servir ao Papai do Céu, a Mariazinha conversa também com as amigas dela!

ALICE: Gente, já, já eu vou dançar aqui ai vocês me dizem se tá bom! Tenho que aprender essa dança até hoje.

MARIAZINHA: Pra que você tem aprender essa dança até hoje?

ALICE: Pra dançar com as minhas amigas, elas disseram que se eu não aprendesse, eu não ia fazer parte do grupinho delas.

MARIAZINHA: E qual é a música?

(Bia coloca a música pra tocar)

MARIAZINHA: Pode parar, pode parar, que musica feia!

ALICE: Eu sei que não é bonita, mas eu preciso aprender a dançar, elas gostam dessa música!

MARIAZINHA: E o que você acha dessa música? Não é melhor pra dançar?

(Mariazinha coloca a música da Aline Barros – Criança de Jesus)

ALICE: Que musica legal Mariazinha, queria aprender essa dança da criança de Jesus

MARIAZINHA: A gente dança essa música na igreja, quando tem escola bíblica ou culto de crianças sempre é legal.

(Alice fica calada em toda a conversa, mas sempre mostra interesse.)

ALICE: Eu queria dançar essas músicas, mas as minhas amigas só querem essas de funk, dizem que tá na moda!

MARIAZINHA: Não precisa dançar essa música, Bia! É uma música feia, essas suas amigas não estão te ajudando muito!

ALICE: Eu sei, mas é que o grupinho delas é legal e eu não posso ficar de fora, senão vou ser chamada de tampinha da rua.

MARIAZINHA: Mas Bia, vem participar do grupinho de Jesus, eu te digo que esse sim é muito melhor!

ALICE: Pois eu quero ir ver.

MARIAZINHA: Quando a minha mamãe for pro culto de crianças mais eu hoje a noite, eu passo na tua casa pra te levar também.

ALICE: Certo! Minha mamãe disse pra eu não dançar essas músicas de funk, mas eu tenho certeza que ela vai gostar da dança da criança de Jesus!

MARIAZINHA: Vai gostar sim! É uma música bem legal!

MARIAZINHA: E você Alice? Sempre fica calada!

ALICE: É...oi...

MARIAZINHA: Oi Alice! Tudo bem?

ALICE: Tô bem... eu fico tão triste porque todo mundo ri de mim.

MARIAZINHA: Mas não fique triste, é só você não dar ouvidos pra isso!

BIA: Me desculpe por rir de você, Alice

ALICE: Tudo bem, eu desculpo.

BIA: Eu prometo que não vou mais fazer isso.

ALICE: Tá certo Bia, mas eu não sou muito feliz. Eu não tenho amigos... meus pais sempre ficam brigando e eu fico muito triste com isso, sempre fico calada na sala de aula.

BIA: Mas Alice, você precisa falar com a professora.

ALICE: Eu não tenho coragem!

MARIAZINHA: Já sei! Vamos pra igreja hoje também, lá você vai ficar feliz. Com Jesus a gente fica feliz!

ALICE: Certo, eu queria ir muito quando você tava falando com a Bia

BIA: Pois nós vamos!! Eebbaaa!!

ALICE: Espero que meus pais deixem.

NARRADOR: Mariazinha falou de Jesus para as suas amiguinhas e convidou elas pra irem a igreja no culto de crianças, é assim que nós devemos ser crianças, convidar nossos amiguinhos que não conhecem Jesus, para conhecerem a Ele. Alice sempre foi triste por que seus pais brigavam muito em casa. Bia sempre quis ser do grupinho da rua dela, mas agora ela ia fazer parte do grupinho das crianças de Jesus. Mas agora vamos ver o Pedrinho e o Caio, eles estão brincando de carrinho.

PEDRINHO: vrrum vruum , esse seu carrinho da Hot Weels corre muito!

CAIO: É sim, vamos fazer uma ruazinha aqui pra eles passarem, ai a gente pega areia depois e coloca no caminhão.

PEDRINHO: É mesmo, vamos fazer uma rua e depois a gente tenta fazer uma montanha de areia.

(Daniel sai da roda dele e vai falar com Caio)

DANIEL: Caio, se eu fosse você eu não emprestava seus carrinhos pra ele não, esse bichovei quebra todos os carrinhos!

PEDRINHO: Eu já disse que não quebrei!

DANIEL: Você é um mentiroso! Sempre quebra tudo!

PEDRINHO: E você é um lesado, que fica falando besteiras o tempo todo!

(Caio se levanta e diz)

CAIO: Para gente, não vamos brigar!

(Joãozinho se levanta, corre até eles e diz)

JOÃOZINHO: eieiei vocês dois ai, se acalmem.

(Todas as crianças se levantam e fazem uma roda, Pedro e Daniel partem um pra cima do outro, mas Joãozinho separa. A professora chega bem na hora e manda todos irem pra sala.)

PROFESSORA: Ei ei ei! Parem com isso, Pedro e Daniel isso é feio! (pega na mãos dos dois) Pra sala agora todo mundo!

(Todas as crianças vão pra sala)

-Blackout-

NARRADOR: É isso mesmo que vocês viram crianças, Pedro e Daniel não estão se entendo por causa de um carrinho. Sempre que acontecer isso na escola onde a gente estuda, devemos sempre tentar acalmar as coisas e nunca deixar nossos amiguinhos brigarem.

-Voltam as luzes-

(A Professora está na frente dos alunos, Pedrinho e Daniel estão na frente da sala toda e os outros alunos estão sentados nas cadeiras.)

PROFESSORA: Estou muito chateada com o Pedro e com o Daniel

PEDRINHO: Professora, sem querer querendo eu quebrei o carrinho dele

DANIEL: Foi sem querer não professora! Ele quebrou porque quis!

PROFESSORA: Parem os dois! Calados. Crianças, prestem atenção, não seria melhor vocês dois pedirem desculpas?

DANIEL: Mas professora, ele quebrou meu carrinho

PROFESSORA: Daniel, isso acontece mesmo Daniel, vocês estavam brincando e do nada um carrinho pode quebrar. Nenhum brinquedo dura pra sempre, você já quebrou algum carrinho brincando sozinho?

DANIEL: (Abaixa a cabeça) Sim professora, já quebrei

PROFESSORA: Pois é assim mesmo Daniel. Isso acontece! Agora você não pode ficar com raiva do Pedrinho por causa disso. Poxa, vocês eram tão unidos, todo recreio eu via vocês dois brincando e hoje em dia vocês nem se olham mais

PEDRINHO: Sim professora, a gente era melhores amigos. Ele era meu melhor amiguinho, como se fosse um irmão

(Daniel começa a chorar)

(Professora pergunta as outras crianças da sala)

PROFESSORA: Crianças, vocês acham que Daniel e Pedrinho devem se desculpar e voltar a serem amiguinhos de novo?

TODOS: Sim

PROFESSORA: Daniel você perdoa o Pedrinho?

(Daniel fala chorando)

DANIEL: Sim, eu perdoo o Pedrinho. Isso acontece mesmo, o carrinho pode quebrar a qualquer momento e eu tenho vários outros carrinhos.

PEDRINHO: Daniel, me perdoa, eu prometo que vou ter mais cuidado com os seus carrinhos

DANIEL: Sim, sim eu te perdoo

PROFESSORA: Crianças se abracem, e voltem a ser melhores amigos, assim como vocês eram!

(Daniel e Pedro se abraçam e pedem desculpas um ao outro)

PROFESSORA: Muito bem gente, agora a aula vai terminar e amanhã quero ver todos aqui de novo. Bom dia! Seus pais estão lá fora esperando vocês.

(Todos saem da sala, Pedrinho e Daniel saem rindo e conversando e todos os outros abraçam eles)

NARRADOR: A aula terminou, e todos foram embora pra casa. Mariazinha e Joãozinho foram pro culto de crianças a noite e levaram Bia e Alice, Alice convidou os pais dela pra irem também e eles foram. Alice ficou muito feliz em ir pra igreja com seus papais, e Bia ficou muito feliz em ver as crianças cantando na igreja e dançando.

Blackout

NARRADOR: Chegou a noite e a Bia foi pra igreja com a Mariazinha e o Joãozinho. A Alice também foi e chamou os pais dela. O culto de crianças foi bem legal e divertido. Depois que passou a noite nasceu um novo dia cheio de luz , todos os alunos foram pra escola. A professora Iza estava muito feliz e as crianças também.

Acendem as luzes, as crianças estão sentadas e a professora está falando com eles.

PROFESSORA: Bem crianças bom dia! Vamos começar a aula, agora eu quero que cada um venha pra frente e fale um pouco de você. Começando pelo Joãozinho.

(Joãozinho se levanta da cadeira e vai na frente da sala)

JOÃOZINHO: Bom amiguinhos, desde pequeno meu papai e minha mamãe me levaram a igreja, eu sempre gosto muito de estudar, mas também gosto muito de brincar. Sou uma criança feliz porque eu tenho Jesus no meu coração, e ontem na Escola Bíblica da minha igreja eu aprendi que tenho que falar de Jesus pros meus amiguinhos, e hoje no recreio eu tentei falar de Jesus pra eles. Jesus sempre pode limpar o nosso coraçãozinho e nos dar muito amor.

PROFESSORA: Muito bem Joãozinho, eu fico muito feliz porque você é um ótimo aluno, tira notas muito boas e tem Jesus no seu coraçãozinho, sempre é muito feliz! Muito bem pode ir sentar. Agora eu quero que a Mariazinha fale um pouco dela.

(Mariazinha se levanta e vai pra frente da sala)

MARIAZINHA: Eu sou irmã do Joãozinho e gosto muito de falar de Jesus, eu amo Jesus, gosto muito de estudar, meu papai e minha mamãe me dizem que é pra estudar muito, porque eu eu vou ter um bom futuro. Eu quero ser veterinária, porque gosto muito dos meus cachorrinhos. Eu gosto muito de vir pra escola e de ir pra escola bíblica da igreja também, gosto também do culto de crianças e gosto muito de todos vocês meus amiguinhos!

PROFESSORA: Muito bem Mariazinha, você também é uma ótima aluna e eu sei que você tem Jesus no seu coraçãozinho porque você é muito feliz também! Muito bem, pode sentar. Agora eu quero que a Bia fale um pouco dela pra gente.

(Bia se levanta e vai pra frente da sala)

BIA: Amiguinhos, eu sempre queria fazer parte do grupinho de meninas lá da rua. Mas ai eu tinha que aprender a dançar umas músicas feias de funk, eu escutava e dançava escondida da minha mamãe, porque ela não gosta. Mas ontem a Mariazinha me chamou pra eu ir pro culto de crianças e eu não quero mais saber dessas músicas feias, agora eu quero ser criança de Jesus, agora eu quero ser do grupinho de Jesus, eu tô muito feliz porque eu mostrei as músicas de Jesus para as minhas amiguinhas da rua e elas também querem ir pra igreja! É muito bom ser criança de Jesus!

PROFESSORA: Que bom Bia! Essas músicas que você escutava eram muito feias e cheias de palavrão, mas agora eu tô muito feliz porque você escuta as músicas de Jesus, músicas muito lindas e bem divertidas. Muito bom, pode sentar! Agora eu quero que a Alice venha aqui falar dela.

ALICE: Oi amiguinhos, eu era sempre calada porque eu era triste, meus pais brigavam todo dia e eu sempre chorava depois disso, mas ontem eu fui pra igreja, pro cultinho de crianças, e meus pais falaram que iam comigo. Fui eu, a Mariazinha, o Joãozinho, a Bia, os pais da Mariazinha e o Joãozinho e os meus pais. Quando chegou lá meus pais gostaram muito e eu também, ontem foi o melhor dia da minha vida! Meus pais quiseram aceitar a Jesus também no coraçãozinho deles e eu agora sou uma criança de Jesus! Também tenho Jesus no meu coração! Eu não vou mais ficar triste e meus pais não vão brigar mais!!! Nós somos de Jesus!

PROFESSORA: Alice, minha linda, eu fico muito feliz porque você contou sua história pra nós. Agora nós somos de Jesus. Seus pais ligaram pra mim hoje e falaram que estão mais unidos, e que agora você vai ficar bem melhor na escola. Muito bem, pode sentar, minha linda! Agora vamos ver o Pedrinho e o Daniel falando.

(Pedrinho e Daniel se levantam e vão pra frente da sala)

PEDRO: A gente era melhores amigos

DANIEL: Mas nós brigamos, só por causa de um carrinho que quebrou, depois pedimos desculpas

PEDRO: Agora somos amiguinhos de novo, melhores amiguinhos e continuamos brincando de carrinho.

DANIEL: Nunca brigue com seus amiguinhos, peça sempre desculpa e faça as pazes.

(Os dois se abraçam)

PEDRO e DANIEL: Nós queremos ser crianças de Jesus também!!!

PROFESSORA: Crianças, fico muito contente por vocês dois, que bom que fizeram as pazes!!!

(Thiago e Caio vão pra frente)

THIAGO: A gente também tá querendo conhecer esse Jesus e ser criança de Jesus!

CAIO: Sim sim, esses jogos que a gente tem no tablet deixava a gente viciado

THIAGO: Agora eu quero brincar com meus amiguinhos, quero ficar feliz igual eles

CAIO: Eu quero correr, quero pular, quero ser criança de Jesus, e quando for domingo depois do almoço eu jogo no tablet

THIAGO: E eu também, porque eu aprendi que tem tempo pra tudo. Pra estudar, pra orar...

CAIO: Pra ir pra igreja, pra dormir, pra brincar, pra assistir, pra tomar sorvete...

THIAGO e CAIO: Tem tempo pra tudo!

PROFESSORA: Muito bem meninos! Que bom que vocês aprenderam a lição de vocês, peguem aqui seus tablets, e agora vocês joguem só na hora certa, não o dia todo!

THIAGO: Sim professora, muito obrigado

CAIO: A gente promete que vai estudar também professora, obrigado

THIAGO: Mas eu queria ser criança de Jesus

CAIO: Eu também

PEDRO e DANIEL: E nós também

MARIAZINHA: ebbbaaaa, que bom que vocês também querem ter Jesus no coraçãozinho de vocês!

PROFESSORA: Muito bem criançada, já que todo mundo quer ser criança de Jesus vamos falar com o Papai do Céu, repitam comigo: Senhor Jesus

TODOS: Senhor Jesus

PROFESSORA: Eu te aceito no meu coração

Todos repetem

PROFESSORA: Perdoa os meus pecados...

Todos repetem

PROFESSORA: Limpa meu coração...

Todos repetem

PROFESSORA: E escreve meu nome do Livro da Vida

Todos repetem

PROFESSORA: A partir de hoje

Todos repetem

PROFESSORA: Eu quero

Todos repetem

PROFESSORA: Ser criança de Jesus

Todos repetem

PROFESSORA: Amém

Todos repetem

PROFESSORA: (Fala para as crianças do teatro e para as crianças da igreja) Muito bem criançada, só quem é criança de Jesus se levanta ai pra nós brincarmos, pularmos, corrermos, porque as crianças de Jesus são as mais feliiiizzessss!

TODOS: Vamos dançar e se divertir, Feliz Dia das Crianças!!!

Sonoplastia: “Criança de Jesus- Aline Barros” , todos dançam!

NARRADOR: E assim todos viveram felizes para sempre! Só quem é criança de Jesus ai diz Glória a Deus!! Feliz Dia das Crianças!!

Fim!


 

CRIANÇA DE JESUS

Aline Barros


 


 

Criança de Jesus tem energia

Pra gastar

Pra gastar

Corre pra cá, corre pra lá


 

Bate com as mãos

Bate os pés no chão

Pula, pula, pula

Ter Jesus é muito bom


 

Joga as mãos pro alto

Põe as mãos no chão

Dá uma rodadinha

Ter Jesus é muito bom!


 

Atenção!

Sim!

Vocês querem louvar?

Sim, senhor!

Vocês tão com sono?

Sim, senhor!

Então eu vou desligar o som

Nãaaaaaaao!


 

O autor solicita que quem for montar a peça faça contato  por e-mail, também quem tiver alguma dúvida  Aldair Xavier

 

Autores: 
Temas: 
Idades: 
Diversos: 
nº de personagens: