BIA E A MÁQUINA DO TEMPO

Versão para impressão

BIA, uma menina egoísta e desobediente. Se esconde da sua mãe na casa do seu vizinho Dr Compliclécio, criador da máquina do tempo.
De brincadeira, vai parar nos tempos que Jesus estava na Terra, onde ela aprende um pouco sobre agir bem, sobre espalhar as Boas Novas do Evangelho, sobre sua missão aqui na Terra...
BIA, DR. COMPLICLÉCIO, MÃE, JESUS, POVO, DEUS (off):

 
Proposta: Em referência ao universo das ficções científicas infanto-juvenis do século XX, esta esquete tem como protagonista Bia, uma menina egoísta e desobediente que, ao se esconder de sua furiosa mãe na casa do seu amigo e vizinho Dr Compliclécio, descobre que este criou, após numerosos experimentos, uma máquina do tempo. Ela, então, banaliza o esforço do outro e decide usá-la ao seu favor, a fim de resolver um dilema de um vaso quebrado e escapar, assim, das consequências e efeitos dos seus atos desastrados. Contudo, em uma de suas andanças desregradas pelo tempo, encontra-se nos tempos onde Jesus ainda estava sobre a Terra, onde ela aprende um pouco sobre agir bem, sobre espalhar as Boas Novas do Evangelho, sobre sua missão aqui na Terra. Ela aprende um pouco que existem outras pessoas além dela mesma nesse mundo e missões mais importantes do que simplesmente atender aos próprios interesses. Na mesma medida em que aprendemos com o Senhor que não estamos sós, aprendemos a noção de solidariedade e responsabilidade com as consequências dos nossos atos sobre o outro.
 
Trilha Sonora – Abertura
LOCUTOR: Bia e a Máquina de Tempo
Trilha Sonora – Vaso Quebrando
 
MÃE: (fora de cena) Biiiiiaaaaaa!
BIA: (entrando, desesperada) Ai, meu Deus! Dessa vez eu tenho certeza! Minha mãe vai me matar! Quebrei o vaso que ela gosta mais! Ai, alguém ajuda! Eu preciso escapar só dessa vez! (olhando para fora de cena) Eita, lá vem ela! É melhor eu me esconder por aqui! Gente, vocês guardam segredo? (vai para o meio das crianças)
MÃE: (entrando) Ora essa! Onde será que essa menina se meteu? Ela tava aqui agorinha, eu vi! E vocês, crianças, viram onde Bia foi? (espera resposta) Ok, então! Ainda hoje ela vai ter que aparecer! (sai)
BIA: (saindo do meio das crianças) Ai, ai, ai! É melhor eu me esconder na casa de Dr Compliclécio, meu amiguiiiinho do coração! Ele num vai nem notar, hihih! (sai) Tchau, gente.
COMPLICLÉCIO: (entrando e olhando para a máquina) Aaaahhh! Finalmente consegui! (Bia entra devagar, escondendo-se) Terminei minha maior invenção! Logo, vou ficar rico e famoso! Que maravilha!
BIA: (assustando) Doutor Compliclécio! Quanto tempo!
COMPLICLÉCIO: Aahhh! Oi, Bia!
BIA: E aí? Manda as novas!
COMPLICLÉCIO: (mostrando a máquina) Bom, eu acabei de terminar minha última invenção!
BIA: E é? Mas o que é isso?
COMPLICLÉCIO: (olhando para os lados) Bem, é uma (cochichando no ouvido dela) kldfwlifnlfiejwl!
BIA: Uma o quê?
COMPLICLÉCIO: (continua olhando para os lados) Ora, Bia! Uma... (cochicha) kjicfhlsdncelinw!
BIA: Desculpa, dr. (colocando o dedo no ouvido) É que a minha cera ta meio grossa hoje!
COMPLICLÉCIO: UMA MÁQUINA DO TEMPO, BIA!
BIA: Ah, ta! (pausa) Pra mim, parece um relógio!
COMPLICLÉCIO: Pois é, Bia. Ás vezes, as coisas são mais do que parecem.
BIA: E o Sr vai fazer o quê com essa máquina, hein?
COMPLICLÉCIO: Ora, posso ir pro passado, pro futuro! Basta apertar esse botão aqui, ajustar o tempo e o lugar, é lá eu estarei!
BIA: (empolgada) Que massa, véi! Eu posso ver?
COMPLICLÉCIO: Claro que não, Bia! O que você pensa em fazer?
BIA: Viajar no tempo, ora bolas! Quem sabe, eu posso voltar até a hora que quebrei o vaso de mainha! Daí, ela não vai ficar zangada comigo, ué!
COMPLICLÉCIO: Minha máquina não foi feita pra isso, Bia! Foi criada pra fazer mais e mais experimentos científicos!
BIA: (correndo ao Doutor) Que coisa chata! (pega a máquina) Passa pra cá!
COMPLICLÉCIO: Ora essa! Só não se atreva a apertar este....
Trilha Sonora – Som de Mecanismos de Máquina do Tempo
AMBOS: Aaaahhhhh!! (rodopiando)
Doutor sai. Luzes se apagam.
BIA: Ai, ai, ai! Quando que eu vim parar, hein? Esse lugar deserto, no meio do nada! Alô-ô! Tem alguém aí?! Doutoooorrrr!! Cadê o senhor?
Deus (off): Haja luz!
Luzes se acendem.
BIA: Eita! Acho melhor eu avançar um pouco mais!
Trilha Sonora – Som de Mecanismos de Máquina do Tempo
BIA: Ai, e agora?! Bom, não ta parecendo tão estranho agora!
ANDRÓIDE: (entrando rápido, com movimentos mecanizados) Forma de vida não identificada! Bizz! Bizz! Forma de vida não identificada!
BIA: (correndo) Ai, ai, ai! É melhor eu voltar um pouco, ai, ai, ai!
Trilha Sonora – Som de Mecanismos de Máquina do Tempo
Jesus começa a se aproximar com seus seguidores
BIA: É esse pessoal parece bem normal!
JESUS: Eu chamo vocês para serem meus seguidores! A partir de hoje, vocês deixarão de ser pescadores de peixes e se tornarão pescadores de almas!
BIA: (correndo até Jesus) Moço! Moço!
JESUS: Oi, menina! Tudo bem?
BIA: Tudo. Qual o seu nome?
JESUS: Eu me chamo Jesus. E você?
BIA: Bia. E quem são essas pessoas que estão aí, Sr Jesus?
JESUS: Estes aqui são os meus discípulos. Aqueles que decidiram seguir os meus passos.
BIA: Humm... Eu vi que o senhor tava chamando eles de pescadores de almas. O que é isso, Sr Jesus?
JESUS: Ora, ser uma pescador de almas é você chamar mais e mais pessoas para seguir a Palavra de Deus! Quando você ouve uma notícia boa, quer logo contar pra todo mundo, não é?
BIA: É verdade. Eu conto logo pra Pedrocas, pra Aninha!
JESUS: Pronto, Bia. Ser um pescador de almas é mais ou menos isso. E a boa notícia que você tem de espalhar é essa: de que Deus ama cada um de vocês e quer que a Palavra Dele esteja no coração de todos. Entendeu, Bia?
BIA: Entendi! Deus me ama muito e quer que eu esteja beeeem juntinho Dele, né?
JESUS: Muito bem, Bia. É isso mesmo! (abraça-a) Continue sempre assim! (saindo)
BIA: Tchau, Jesus!
JESUS: Tchau, Bia! Vá em paz!
BIA: Ah, vou correndo agora pra casa! Vou contar essa novidade pra minha mãe! Quem sabe ela não fica feliz comigo e fazemos as pazes?
Trilha Sonora – Som de Mecanismos de Máquina do Tempo
COMPLICLÉCIO: (entra, irritado) Ora, mocinha! Onde foi que você se meteu, hein? Você me paga!
BIA: Oh, Doutor, o senhor pode me cobrar depois? É que agora eu tenho uma ótima novidade pra contar pra minha mãe e pros meus amigos! Tchau! (saindo, mas volta) Eita! Mas depois eu volto pra contar pra você também! Tchaaauuu! (sai)
COMPLICLÉCIO: Ah, pelo que eu vi, Bia encontrou uma ótima utilidade pra máquina do tempo! (pausa) Sim, mas falando nisso, onde é que ta a máquina do tempo? (sai correndo) Biiiiaaaaaa!!!
Dança – “Vamos Compartilhar”
 

Grupo: Ministério Yeshua de Artes Cênicas
Blog: www.myeshua.blogspot.com
Youtube: www.youtube.com/user/myeshuape
E-mail: myeshua.idop@gmail.com

Estilos: 
Temas: 
Idades: 
Diversos: