A LISTA DOS CONDENADOS

Versão para impressão

Adaptada da ideia de um outro grupo de teatro, baseado em apocalipse 21.
Fala a respeito de um grupo de pessoas que não serão salvas. essas pessoas morrem em um tiroteio e vão direto para o inferno, chegando lá elas contestam.
Satanas mostra através de um telão imagens delas em terra praticando coisas erradas. (Essas imagens são gravadas externamente, após um vídeo deve ser montado.)

Qualquer dúvida o grupo que apresentou está a disposição. Quem for apresentar, ou ficar na produção som etc deverá se consagrar muito, muito.
 




Tudo quanto ti vier a mão para fazer, faze-o conforme as suas forças, porque no além, para onde tu vais, não há obras, nem projetos .... “(Eclesiastes 9:10)

Grupo de teatro essa é para NOSSA reflexão.

 

 

PERSONAGENS:

 

Covarde – (Flávia)

Incrédulo – (Gabriela)

Facções – (Vânia)

2 Tipos Assassinos – Um será aquele que odeia a seu irmão – (Daiane e Rodrigo)

Adúltero- (Fernandes)

2 Feiticeiros -um será o que faz rebelião-(Mariele e talita)

Idolatra: (Fernanda)

2 mentirosos – (Sérgio e Rose)

úcifer – (Denise)

3demônios ( Márcio Lopes, Márcio Nenem, Maria (vestida como pomba-gira)

1 Evangelista (para imagens dos vídeos)

 

Entra em Cena lúcifer com uma enorme lista nas mãos, e começa a desenrolar a lista, um outro demônio se aproxima .

 

Diaboifer, senhor das trevas (se curva diante de Lúcifer), que lista é essa em suas mãos?

Lúciferta dos condenados. Aqueles que passaram a eternidade comigo.

Adriana: Quem os condenou? Foi o senhor?

Denise: Não, foram eles mesmos, ao rejeitarem JESUS e optando em fazer a minha vontade. Agora vim cobrar a alma deles, e vai ser agora, para que não haja tempo para arrependimento.

Adriana: E como você fará isso?

Denise: Você?? Eu sou Lúcifer, o senhor das trevas e você é meu servo, meu escravo e me deve reverência.

Adriana: (Se ajoelha diante de lúcifer) desculpa senhor, senhor como vai levar as almas dessas pessoas que estão nessa lista?

Denise: (rindo) o BOPE vai subir uma dessas comunidades e os bandidos vão recebê-los com muitos, muitos tiros, vão ser balas perdidas por todo lado. E sabe quem vai dar a direção dessas balas perdidas? A legião de demônios que enviei pra lá. Agora vamos, pois não podemos perder tempo.

Narrador: ( jornalista informando sobre o tiroteio)

Todas as luzes se apagarão para que todos se acomodem em seus lugares.

utilizaremos como efeitos luz vermelha e gelo seco para fazer fumaça. Na frente do altar vamos faze o trono de lúcifer e próximos estarão os demônios. Nas laterais as pessoas que morreram no acontecido descrito acima. Lúcifer chamará uma a uma.

Denise: (Segurando a lista dos condenados aponta e diz) Você, venha aqui sua covarde.

Flávia: (desesperada) Esta havendo algum engano eu era da igreja, é para o céu que eu vou, aqui não é o meu lugar.

Denise: Claro que é, eu vou te mostrar que você esta no lugar certo, no inferno, espírito enganador, mostre o que ela realmente era uma covarde.

Márcio neném: Diante das adversidades, dos problemas você logo queria retroceder desistir da fé, covarde.Você tinha vergonha de assumir sua fé, ninguém sabia que você era crista no seu trabalho na sua vizinhança, não só porque você tinha vergonha de assumi-lo (aponta pro céu) mas também porque com o comportamento e caráter que você tinha não refletia nada de DEUS.

Flávia: Não é verdade, eu tinha a bíblia, óleo ungido, eu era fiel.

Adriana: Fiel coisa nenhuma, veja quão covarde você foi.

TELÃO:Cenas que passaram no telão (o covarde estará vindo da igreja e passará por um grupo de amigos e esconde a bíblia, uma das pessoas esta sofrendo e o covarde tem vergonha de assumir sua fé e vai embora)

Covarde se lamenta

Denise: Existem dois tipos de covardes. Aqueles que aproveitam do poder que detem para prevalecerem sobre os mais fracos, e existem os covardes espirituais como você, que tem vergonha de assumir a fé em Deus. Covarde. Demônio leve a covarde .

Os demônios levam a covarde (que oferece resistência) os demônios a levam para o tormento onde já haverá outros demônios

Denise: Que maravilha!! Cada alma que vai pro inferno é um prazer pra mim. Agora você (aponta para a incrédula) Incrédula venha, é a sua vez.

Gabriela: O inferno não existe, eu estou tendo uma alucinação, não pode ser.

Denise: Incrédulo, incrédulo!! Não acreditava na existência do céu e nem do inferno, mas saiba que existe sim o céu e inferno, e por causa da sua incredulidade sabe onde você esta nesse exato momento? No in-fer-no. Espírito responsável pela cauterização das mentes, espírito dominador venha apreciar o resultado do seu trabalho.

Espírito dominador (estará vestido e maquiado de preto e segurará uma cabeça de cera, pois seu alvo são as mentes humanas)

Márcio nenem: Eu trabalho nas mentes, no intelecto das pessoas, para que não acreditem no céu nem no inferno, sugiro sutilmente em suas mentes, que quando morrerem tudo acaba mesmo, morreu morreu

Gabriela: Ai esta me queimando.

Márcio neném: Esta queimando, mas você não disse que o inferno não existe? (debochando )

Gabriela Eu não sabia, ninguém me falou nada.

Márcio nenem: Vou refrescar sua memória.

TELÃO: De um pessoa evangelizando o incrédulo e ele faz pouco caso e não aceita a palavra de forma nenhuma.

Denise: Os sinais estão explícitos pra quem quiser ver, tudo que ele (aponta pra cima) falou que aconteceria no final dos tempos estão acontecendo, é tanta maldade que espalhamos pela terra, chegou ao ponto de pais matarem, esquartejarem os próprios filhos e filhos. Só não acredita na minha existência quem não quer. Dominador... Vou te dar essa satisfação, pode levá-la.

Gabriela: Agora eu acredito, deixa-me ir avisar a minha família

Denise: Agora é tarde! Lá na terra tem os servos dele pregando a salvação, mas a humanidade não quer dar ouvidos, além do mais existe um grande abismo de forma que os que estão aqui não podem mais voltar a terra. Esta condenada! Leve-a, leve-a

O dominador e leva a incrédulo para o lugar de tormento.

Denise: Mais um pro reino de tormento. Muito bem demônios, é assim que eu gosto é assim que eu quero. É a sua vez facção, não se faz de desentendido não, é com você mesma, venha a mim.

Facção se aproxima muito amedrontada:

Denise: Você é uma mistura de facção, porfias e inimizades, parece besteira né? Mas tem levado muitas almas pro inferno.

Vania: Eu não sabía que as coisas que eu fazia eram erradas.

Denise: Sempre a mesma desculpa, eu não sabia, ele lá (aponta pro céu) dá todas as oportunidades, e a humanidade rejeita. Demônio venha aqui mostrar quantas fofocas, e inimizades ela semeou na terra. O quão útil ela foi pro nosso reino (rindo)

Márcio Lopes: Você sabia que era errado sim,e como sabia, lembra da sua irmã? Cristina, ela falou tantas vezes com você, e o que você fazia? Debochava, zombava, agora vai colher os frutos da escolha que você mesma fez. Quem decide se vai pro céu ou inferno é cada um, com as escolhas feitas em vida.Vamos ver a escolha que você fez.

TELÃO: Cenas da facção fazendo inimizades e colocando um contra o outro e Cristina a advertindo que isso era mal aos olhos de DEUS, mas ela não dava ouvidos.

Vânia: Eu não posso estar aqui, eu estava indo para o trabalho.

DeniVirão como a humanidade pensa, eles vivem como se nunca fossem morrer, esquecem que um dia todos vão morrer, não estão nem aí para onde vão suas almas, querem mais é fazer um monte de besteira . Demônio pode levá-la

Vania: Eu não posso ir para o inferno, minha irmã era da igreja

Márcio Lopes: Ela sim é verdadeiramente de Deus e fez tudo que podia para você se converter, mas todos tem o livre arbítrio e a escolha foi sua.

Facção se desespera e os demônios a leva para o inferno (altar)

Denise: Vamos ver agora, quem será?. Ei vocês aí, é vocês mesmos assassinos.

Rodrigo: Eu não sou assassino não, esta havendo um engano

Daiane : Imagina eu assassino, nunca matei um inseto se quer.

Denise: Sei, sei. Então esta havendo um engano aqui, vamos ver então. Demônio vem mostrar quem ele realmente é.

Demônio esta vestido caracterizado como um malandro.

Guilherme: Você vivia consultando o Zé pelintra lá no terreiro, lembra ?Veja com seus próprios olhos, as suas más obras.

TELÃO: Cenas do assassino se consultando com um Zé Pelintra e depois vai as ruas e assalta e mata a vítima, olha na carteira dele e vê uma foto da vítima com a família, sente remorso, logo depois ele comenta consigo mesmo que precisa deixar aquela vida (mas acaba não deixando)

Rodrigo: Mas eu pensei em sair daquela vida

Guilherme: Pensou, mas não saiu, agora você morreu e não dá mais tempo, já era. Por isso que é bom, não estar preparado para morte, a humanidade se prepara para vida, mas não para a morte, e como a morte não avisa quando vai chegar, pegamos muitos desavisados.

Daiane: Eu não disse, ele sim é um assassino, mas eu não, nunca matei nem um inseto, eu nunca fiz essas barbaridades que esse assassino fez, jamais matei alguém.

Guilherme: Assassino não é só aquele que tira a vida física, não. Olha pra lá

Daiane: Eu não eu não vou olhar (recusando-se)

Adriana: (segurando em sua cabeça vira em direção ao telão e grita) olha agora, aqui quem manda é o meu senhor das trevas (aponta para Lúcifer)

TELÃO: Imagens do assassino 2 em cenas de desprezo, ódio e ressentimento para com o próximo + narração: “Todo aquele que odeia a seu irmão é assassino: Ora, vós sabeis que todo assassino não tem a vida eterna em si” (I João 3:15)

Daiane: Eu quero perdão

Denise: Perdão? Você não quis perdoar, alimentou o ódio no seu coração. Só tem diretio a perdão aqueles que perdoam.

Demônios leve-os

Denise: Olha pro inferno: (altar) Tá ficando cheio, a porta é larga, as pessoas não querem renunciar, isso mesmo nada de sacrifícios ou renúncias, assim o inferno esta ficando cheio. De quem é a vez agora, vamos ver (aponta) agora é você, adultero. Aquele que não é fiel ao seu marido ou a sua esposa que vê, como será fiel a DEUS que não podem ver fisicamente. O adultério esta em toda parte, até no meio dos que se dizem “CRISTÃO” mas sua atitudes mostram que não são

Fernandes: Que lugar horrível, eu não praticava esses coisas não, cadê minha esposa querisa?

Denise: Agora nega né. Espírito responsável pelos adultérios, prostituição e o homossexualismo, mas conhecida na terra como pomba-gira, mas é demônio mesmo, venha até aqui pomba-gira mostrar sua verdadeira face.

Entra em cena uma mulher vestida de pomba-gira

Maria: Usei tanto esse corpinho nas traições, prostituições, vai negar agora vai? Vou te mostrar o que você fazia, lembre-se eu só sugiro, mas a decisão é sua.

TELÃO: Cenas de uma mulher se insinuando e o adultero aceita + narração: “O que adultera com uma mulher, esta fora de si: só mesmo quem quer arruinar-se é que pratica tal coisa”.Haverá um personagem caracterizado como pomba-gira

Maria: Os adúlteros continuem adulterando, a esconderem seus pecados, o homem pode não vê, mas ele lá (aponta pro céu) vê tudo e eu também, o inferno esta cada vez mais cheio de adúlteros.

Vamos, agora vai passar a eternidade sendo atormentado, por causa das suas obras da carne, as obras da carne leva ao abismo e a morte eterna.

A pomba-gira e os outros demônios levam o adúltero para i inferno (altar)

Denise: (aponta) Venha aqui minhas feiticeiras, minhas!!!

Mariele: O que vai ser de mim , cadê os meus guias de luz, onde eles estão.

Denise: Seu Guia de luz? Eu vou chamar o seu guia, demônio designado por essa alma

Entra em cena o demônio.

Mariele: Não meu guia de luz não é esse, não pode ser, não era assim que você se apresentava pra mim .

Márcio Nenem: Eu sou seu guia sim, só não sou da luz s,Sou das trevas (todos os demônios riem)

Mriele: Eu fui enganada então, pois eu pensava que ele era de luz, ninguém me explicou que eles era trevas.

Márcio nenem: Todos iguaiszinhos, igualzinhos, com essa conversa que não sabia, sua vizinha durante incansáveis 10 anos o tempo todo te alertava, falava claramente, uma vez te levou na igreja e você me viu de joelhos lá (Márcio de ajoelha), e mesmo assim não quis acreditar que realmente éramos demônios. Esquece? Tadinha, vou fazer você relembrar.

TELÃO: Cenas da vizinha explicando o que realmente eram esses espíritos.

Talita: Você esta no lugar certo mesmo seu , eu era do ministério.

Márcio nenem: veja ali, quem é você..

TELÃO: Cenas do feiticeiro 2 , liderando e incentivando rebeldia e sendo advertido quanto a esse tipo de erro + Narração: “Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria” (Samuel 15: 23)

Márcio Nenem: Viu como você se enquadra dentro da listra, Deus te compara quem faz rebelião a um feiticeiro.

Denise: Cega de blá, blá, blá. Leve-a

Os demônios a leva para o inferno (altar)

Lúcifer: Pra Deus uma abominação, porém pra mim, um dos meus pecados preferidos, venha idólatra

Idolatra: Não, eu vou para o purgatório

Lúcifer: Eu concordo adorar imagens é pecado sim, a idolatria é minha criação, mas você adorava outras.

Fernanda: Inferno não, cadê o purgatório, é pra lá que eu vou.

Denise: Purgatório não existe, depois da morte é céu ou inferno, no seu caso inferno, pois depositou a sua fé em imagens feitas por mãos humanas, que tem olhos e não vêem, boca e não fala, ouvidos e não ouve. Vem ver quão idolatra você foi.

TELAÕ

Fernanda: Fui enganada, enganada!

Denise: Aquele sua amiga maldita, avisou que idolatria era pecado, vai passar a eternidade me adorando, de joelhos, agora!

Fernanda: Eu não vou adorar a demônios

Denise: Como não? Todas as vezes que você se curvava diante de uma imagem, acendia uma vela, sabe a quem você adorava ? A mim. Venha de joelhos me adorar

Fernanda: (dessperada) Não, eu não vou

Denise: venha, de joelhos

Fernanda anda de joelho

Denise: Eu quero mais! Você vai dizer: lúcifer meu senhor, eu ti adorarei eternamente.

Fernanda: Não, (chorando) Não!

Denise: Fala!!!!!!!!!!!!!

Fernanda: Lúcifer meu senhor, eu ti adorarei eternamente.

Lucifer vibra

Lúcifer:Eu sou o pai da mentira, logo aqueles que mentem se tornam meus filhos! Venham meus filhos para junto de seu pai.

Mentiroso 1: E eu que freqüentava a igreja como pode

Mentiroso 2: Como pode eu, que contei umas mentirinhas ir pro inferno, onde tem Assassinos prostitutas, isso não estar certo.

Lúcifer: Pra Deus não existe pecadinho nem pecadão, pecado é pecado, lá em apocalipse tem uma lista de pessoas que não herdarão o reino dos céus, e na mesma lista que tem os assassinos tem os mentirosos. Demônio venha dar boas vindas aos mais novos condenados ao lago de fogo e enxofre.

Adriana: Nada melhor que fazê-los assistir aos seus próprios pecados. Vejam mentirosos (com entonação)

TELÃOImagens do mentiroso 1 mentindo para o PATRÃO E IMAGENS DO MENTIROSO 2 MENTINDO PARA O PASTOR.

Adriana: Assim como pra Deus não existe pecadinho e pecadão, também não existe mentirinha pequenininha inocente. Mentira é sempre mentira. Aquele ali nem era da igreja, vivia no mundão mesmo já pertencia ao senhor das trevas, eu gosto de desencaminhar aqueles que estão na igreja, a alma desses tem um gostinho diferente. Não se esconda falso cristão, vem ver com seus próprios olhos o que saia da mesma boca que dizia amar A DEUS, saia também mentiras, veja

TELÃO: imagens do mentiroso 2 mentindo para o pastor do porque não foi a uma reunião.

Adriana: Vem mentirosos hipócrita.

Lúcifer:Agora leve-os para o tormento eterno, onde há choro e ranger de dentes.

Os demônios os levam. Lúcifer se levante de seu trono e diz aos demônios

Lúcifer: Eu quero mais almas, eu não estou satisfeito, o meu tempo é curto, eu sei que vou passar a eternidade no largo de fogo e enxofre, quero levar o maior número de almas comigo, preciso aumentar a lista dos condenados. Vão demônios levem pra terra a idolatria, prostituição, vícios, adultério, mentira, inimizades e tudo mais que conduz ao inferno.

Enquanto Lúcifer fala, os demônios saem do inferno (altar) e andam pela igreja como se estivessem na terra levando as obras malignas.Em seguida os demônios e Lúcifer vão para o inferno (altar) e começam a torturar as almas que lá estão e as rodeiam) Lúcifer fala que quer mais tormento e dor. (fundo de terror)

Fecham as cortinas que estará no altar.

 

NARRAÇÃO FINAL.

 

 

Diversos: