A BALADA

Versão para impressão

A BALADAA BALADA

Esquete cômica, mostra uma realidade, termina com uma declaração bombástica e cruel(e muitas vezes REAL).
Pode ser usada para abertura de um debate(ou explanação) abordando os temas, doenças sexualmente transmitidas, ficar,

Cena 01: Indo
(A esquete tem 2 personagens. Um de cada lado do palco, como se estivessem cada um em seu quarto em casas diferentes. Quando um fala, a iluminação está nele, e a outra metade fica no escuro. Também pode ser feita com um falando e o outro ficando em estátua)
ELA: (No espelho) Ai... qual batom? Essa noite promete! (celular toca)
Ele - (No espelho) É hoje! Quero agitar muito! Cara, você ta lindo! (Põe perfume no rosto e nas genitais. O Celular toca)
ELA: (falando ao celular) Gabi? Tô quase pronta miga... Se quiser já pode vir me buscar. Hem? Nós vamos dançar muito, vai ser dá hora! Ah, e longe dos homens. Hoje não quero ficar com ninguém, só quero dançar a noite inteira.
ELE: Rui? Tô pronto. Já, já eu te pego aí. Já pode ir descendo me espera na portaria. O lugar é legal mesmo? Tem que ter muita mina... muita gata... já tô chegando!
Cena 02: Chegando
(Chegando da balada)
ELA: Estou exausta! Falei que não ia ficar com ninguém... mas ele era lindo! Irresistível!
Suas palavras ... seu cheiro... ele disse que não é de ficar com ninguém, mas ficou comigo porque se apaixonou por mim, tipo: amor a primeira vista!
ELE: Fiquei com 4! Que noite! A última era muito linda, mas, foi só “auê”!
ELA: Eu vou ligar pra ele... onde eu pus o telefone que ele me deu... achei! (Liga) Alô? Eu posso falar com o Xande? Como?
ELE: Telefone falso! Que nada... foi só aquela noite e tchau! Ah, e foi sem camisinha. Já tô contaminado mesmo, antes que eu morra, vou curtir muito!
(Toca uma música triste, acende a luz nos dois personagens. Ele rindo debochadamente, ela como se não tivesse acreditando, com o coração despedaçado orando para o telefone)
Escrita em 2007
 
Visite os sites do autor. Dicas e exercícios de teatro Baratas de Palco e + Peças Teatrais Meu Teatro
 
Se montar esta peça, faça contato com o autor, diga-lhe como foram o trabalho e os resultados. Jaime Junior
 

 

Autores: 
Datas: 
Estilos: 
Diversos: