O ORELHUDO

Menino de orelhas grandes

Bullying é o tema desta peça. Um menino orelhudo é o alvo das piadas, brincadeiras e zoações dos colegas.
É um programa de reportagem sobre um menino de orelhas grandes.
Mesmo em meio a tanta zoação ele convida seus colegas para o seu aniversário.
A festa começa ainda com zoação, até o momento de um discurso anti-capitalista, e contrário ao “culto da beleza”, lembrando que fomos feitos a semelhança de Deus.

Estilos: 
Idades: 
Diversos: 

JORNAL DA BÍBLIA

Apresentador de telejornal com a Bíblia na tela

Em forma de noticioso de TV são noticiadas várias cenas bíblicas.
Irmão mata irmão violentamente.
Muita chuva é esperada para a próxima temporada.
A festa de casamento mais badalado do ano.
A sensacional luta do ano, Davi e Golias

Estilos: 
Diversos: 

DESPERTA

Igreja e despertador

Personagem principal está  buscando pessoas que queiram se envolver com missões;
Na caracterização dos personagens estão as formas  mais comuns de fugir do chamado missionário.
É uma esquete, comédia, simples e desafiadora.

Temas: 
Diversos: 

AMIGO REAL

Amigos

Mário está “curtindo a vida”, numa fase que fica incomodado com os pais, igreja, compromissos... Ele só quer festas.
Um dia, sente-se doente, no outro dia abandonado pelos amigos da farra...
Encontra amparo justamente naqueles que desprezou, zombou, agrediu... Encontra esperança em Jesus

Estilos: 
Diversos: 

O TELEFONEMA

Telefone antigo

Ed está apaixonado, a garota é Anabella.

Anabella é do tipo “a fila anda” e como anda,

Ed, ignorando o histórico da gata, nutre -por ela- esperanças de amor verdadeiro, sincero e eterno. Ah, e tá a todo momento pedindo a Deus que a dê como namorada.

O narrador ora torna a história cômica, ora parece ser a consciência...

Ed vacila com outra menina...

 

 

Datas: 
Estilos: 
Diversos: 

UM DIA EU TIVE FOME, E VOCÊ ME ALIMENTOU

Desenho de pessoa com cartaz pedindo comida

(Adaptação da mensagem de Paulo Roberto Gaefke, publicada no livro "Quando é preciso Viver")
A história começa com pai e filho desolados, famintos, Agenor o pai, desempregado, homem sofrido. Ao pedir um pouco de pão, na padaria do seu Amaro, se prontifica a fazer algum serviço em troca. Amaro tem compaixão, vendo sinceridade oferece emprego, vendo dedicação incentiva ao estudo.
Agenor foi dedicado aos estudos também, torna-se advogado, e sempre grato ao seu antigo patrão.
Agenor começa um trabalho assistencial, seu filho-agora nutricionista, é responsável por mais de 200 refeições diárias.

Estilos: 
Temas: 
Diversos: 

A CASA DE MEU PAI

Bem Vindo Meu Filho

Zelina sempre conta para seu irmão Luís, coisas maravilhosas sobre a Casa do Pai.
Luís é um menino pobre que está sempre com seu realejo.
Um dia Luís sai a procura da Casa do Pai, anda muito, passa por um sítio, encontra uma menina que quer ir também até lá...

Idades: 
Diversos: 

O MAIS IMPORTANTE É JESUS

Jesus com as crianças

Esquete que pode ser montada por atores ou fantoches, O mais importante é Jesus
3 personagens, Belinha, Clarinha e Zeca
Belinha é uma menina rica, que adoece e lembra de coisas que seus amiguinhos, pobres, lhe falaram.
Zeca e Claudinha levam a mensagem central da peça, a importância de Jesus nas nossas vidas.
 

Estilos: 
Temas: 
Idades: 
Diversos: 

Páginas