Dia das Mães

O SOFRIMENTO DE UMA MÃE

Imagem Principal: 

Marli uma mulher dedicada a obra de Deus conhece Bruno, um jovem baladeiro que só quer curtir a vida.
Bruno e Marli se casam, Bruno larga o mundo e se converte.
Marli tem um sonho de ser mãe. Bruno tem problemas que o impedem de ter filhos, mas Deus tem uma promessa na vida deles …
As primeiras cenas são mostradas sem a fala dos personagens, apenas narrada(pode-se usar teatro de sombras).

Estilos: 
Idades: 
Diversos: 

A VERDADEIRA MÃE

Rosa para a mamãe

A Verdadeira Mãe

Mãe teve o filho sequestrado na maternidade, sofreu a falta do filho por 30 anos.

De repente o filho a descobre, marca um encontro e nele  faz um teste para saber se é sua mãe verdadeira.

Isaías 49:15 pode uma mulher esquecer-se de seu filho de peito, de maneira que não se compadeça do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse, eu, todavia, não me esquecerei de ti.

Estilos: 
Diversos: 

A VITÓRIA DE ANA

A VITÓRIA DE ANA - Teatro Cristão Ana, estéril sofre zombaria por não ter filhos.
Tem o apoio do marido, mas ainda assim sofre.
Um dia passou por bêbada, de tanto que chorava diante de Deus, pedindo um filho.
Foi atendida, teve Samuel
História real que consta em I Samuel

Baseada em I Samuel Cap. 1

Estilos: 
Diversos: 
Autores: 

A MULHER QUE CONFIOU EM DEUS

A MULHER QUE CONFIOU EM DEUS - Teatro Cristão Joquebede, sua fé, sua esperança, suas ações... O zelo e a esperança e a confiança nos propósitos de Deus para o seu filho.
Um filho quando todas as crianças foram condenadas a morte. Ela o esconde, o bebê encanta a filha do faraó que o encontrou... A própria mãe é chamada para cuidar da criança, no palácio...

Estilos: 
Diversos: 

AS DUAS MÃES

DUAS MÃES Cenas caricatas, duas famílias, uma pobre e uma rica, vão para a igreja no dia das mães.
Na programação de homenagem recebem flores feitas pelos filhos

 

Personagens:

SÔNIA: Mãe pobre
MÁRCIA: Mãe rica
ANTÔNIO: Pai pobre
FERNANDO: Pai rico
LAURA: Filha pobre mais velha
PEDRO: Filho pobre caçula
ISABELLA: Filha rica mais velha
GUSTAVO: Filho rico caçula
JULIANA: Professora do Departamento de juniores à tarde.
Pr. ANDRÉ: que fale bem

Estilos: 
Diversos: 
Autores: 

A MÃE IDEAL

A MÃE IDEAL São apresentadas várias mães, caricaturas de várias mães.
O público vai analisar qual delas merece ganhar das mãos de um anjo a coroa de mãe ideal.

Personagens:

MÃE AFLITA: roupas normais

• ANJO: vestido a caráter, trazendo várias bíblias e uma coroa na mão.

• MAE RICA: mulher bem vestida, cheia de joias.

• MÃE POBRE: mulher pobremente vestida, trazendo pelas mãos uma criança mal vestida e descalça, uma trouxa de roupa.

• MÃE FRÍVOLA: mulher com roupa esporte, e um acessório de esporte bola, raquete, cartas de baralho, dominó, etc.

• MÃE CRISTÃ: roupas discretas e uma bíblia na mão.

Diversos: 

SE DEUS QUISER

Família - Igreja SE DEUS QUISER
1º ATO
CENA 1: Pais na EBD x Filhos em casa
CENA 2: Pais na EBD x Filhos obrigados na EBD
CENA 3: Pais ficam em casa x Filhos na EBD
CENA 4: Pais ficam em casa x Filhos proibidos de sair
CENA 5: Pais e Filhos na EBD
Ato 2
CENA 1: O futuro de Bebel
CENA 2: O futuro de Pato
CENA 3: O futuro de Sara
CENA 4: O Futuro de João
CENA 5: O futuro de Pedro
Ato 3
CENA 1: O infuturo de Bebel
CENA 2: O infuturo de Pato
CENA 3: O infuturo dos pais de Sara
CENA 4: O infuturo da família de João
CENA 5: O brilhante futuro de Pedro e família

 

UM SORRISO EM CADA CORAÇÃO

DIA DAS MÃES - Teatro CristãoUM SORRISO EM CADA CORAÇÃO
Vitório, o personagem que conduz a ação, veste-se bem.
Sua camisa branca de mangas compridas mostra a sua elegância.
O cenário principal é um grande livro (mais de 2 metros de altura) de onde saem as cinco per­sonagens-flores.
Cinco fantasias imitando as flores que as crianças representarão; um carrinho de mão, de madeira.

Estilos: 
Diversos: 

O SEQUESTRO

O SEQUESTRO - Teatro CristãoO SEQUESTRO

Uma mãe cristã, viúva, tem a filha roubada por uma cigana.
No acampamento cigano ela é educada por outra cigana, esta que tenta seguir os ensinamentos Cristãos.
Muito tempo depois, a menina que fora roubada, sem saber vai pedir algum alimento na casa de sua mãe...

Durante todo o tempo os ensinamentos de sua mãe a acompanharam.

Estilos: 
Diversos: 

A MÃE DE TODOS OS DIAS

DIA DAS MÃES - Teatro CristãoPequeno relato de uma vida diária.

Uma mãe que cuida da casa, as filhas que não querem se envolver com as coisas da casa.

A mãe que se entristece com a incompreensão.

O desafio a mudança de atitude a partir do momento das homenagens.

Cenário: uma sala e uma cozinha

Personagens: Mãe e duas filhas(Daniela e Fernanda)
Objetivo: Mostrar ao filhos que não é só nos dia das mães que a mãe tem que ser amada.

Este texto está na web, com vários títulos diferentes, as vezes sem título nenhum...

Estilos: 
Diversos: 

TEATRO MÃE FLOR

MÃE FLOR Esquete para o homenagear as mães

Mamãe flor... é aquela que mesmo muito atarefada com o trabalho, com minha irmãzinha, com as atividades de casa e da Igreja, não esquece que eu sou prioridade e sempre diz que me ama e tem tempo para me dar atenção.

 
Estilos: 
Idades: 
Diversos: 

MÃES ÓRFÃS

MÃES ORFAS Todos os anos lembramos o Dia das Mães com muitas flores, beijos, sorrisos e, em algumas famílias, muitos presentes.
Nesta peça queremos ajudar a refletir sobre as mães que perderam ou estão perdendo seus filhos nas guerras e outras violências.

Estilos: 
Diversos: 

Páginas