MÁRCIO M. ANDRADE

CONFUSÕES EM TRIPLO - Pra Salgar e Iluminar

Imagem Principal: 

Teatro infanto-juvenil interativo. Da serie “Confusões em Triplo” (Já publicamos “Deus Nunca Erra”).
PRA SALGAR E ILUMINAR traz o medo do desconhecido e o suspense. Uma sociedade secreta que pretende “formar” pessoas para ser sal e luz do mundo – vide Mateus 5:14 – mas tornando as crianças policiais da vida alheia, coagindo e reprimindo...
De forma divertida e descontraída, as personagens questionam a violência e os desafios e mandamentos esdrúxulos do presidente do Clube de Sal e Luz.
Gildo acaba desmascarando o “fantasma”, na frente de seus amigos Zeca e Dora, perdão é o desafio final, depois do medo.

 

Estilos: 
Diversos: 

CONFUSÕES EM TRIPLO - Deus Nunca Erra

Com uma proposta de teatro infanto-juvenil interativo onde o público acompanha as personagens no tempo e no espaço, esta esquete trata de um tema que perpassa muito da infância: a insegurança diante do desconhecido, do inesperado.

Temos diversas necessidades; mas uma das mais essenciais é a necessidade de segurança, de se sentir acolhido e protegido. Os protagonistas perseguem deliberadamente a desestabilização da rotina, partindo para uma aventura em meio a uma floresta assombrosa, levando consigo os medos, mas também “amuletos” que lhes trazem alguma segurança – no mapa pouco confiável de Zeca; no GPS, no walkie-talkie e nos primeiros socorros de Gildo; e na imensa “mochila / casa” de Dôra. Sendo crianças ou adultos, desejamos encontrar no mundo afora estabilidade e familiaridade em objetos ou pessoas concretos, mas podemos encontrar uma segurança plena e infindável Naquele que criou todas as coisas e nos acompanha por onde quer que andemos, pois Ele pode nos surpreender com atos ou soluções inesperadas.

Estilos: 
Diversos: 

A APOSTA

O dia dos namorados se aproximava, a pressão para não passar a data “solteiro”, estava crescendo, quando surge a provocação maior, através de uma aposta. Tem que “pegar” alguém...
A banalização dos relacionamentos...
A desconsideração com os sentimentos que envolvem duas pessoas em um namoro.
Situações semelhantes estão mais perto de nós do que imaginamos.
Ponto de partida para um bom debate

 
Datas: 
Estilos: 
Diversos: 

YERUSHALAIM

Tomando por base a guerra entre Israel e Palestina, esta peça propõe a discussão das diferenças culturais e individuais partindo de algo mínimo e seguindo para as imensas disparidades culturais que experimentamos.
Mas existe algo que nos une: estamos todos no mesmo mundo, somos todos criaturas de Deus e precisamos respeitar e amar cada um, por mais difícil que possa parecer.

Esta dramaturgia procura, no seu início, mostrar a separação entre israelenses e palestinos, entre passado e presente, entre masculino e feminino, entre paz e conflito, entre humano e divino, entre pais e filhos, entre tradição e novidade, entre felicidade e tristeza, entre morte e vida, mas, ao longo da encenação, tudo isso se mescla para compor um único cenário onde predomina o amor e um princípio de aceitação. 

ASSISTA O VÍDEO DA PEÇA AQUI

Estilos: 
Temas: 
Diversos: 

POR QUE O AVIVAMENTO NÃO CHEGA?

Imagem Principal: 

Adaptação do Livro “Por Que Tarda O Pleno Avivamento?”, de Leonard Ravenhill (Acesso ao livro em PDF)

Referenciando às jornadas míticas dos (anti)heróis épicos e formatando-se numa estrutura episódica que referencia à farsa, esta peça procura mostrar situações e procurar motivos pelos quais o avivamento não tem chegado nas nossas igrejas. Este gênero usa diversos recursos - introdução rápida de temas, análises psicológicas pouco profundas, ações e situações absurdas – com o único objetivo de divertir.

Nesta montagem, o absurdo, na verdade, surge como metáfora para fatos e personagens que ora encontramos ora vivenciamos ao longo de nossa vida cristã, mas que podemos deixar de ser quando nos dispomos para o Senhor.

Servo, Precisa-se e todas as personagens são reflexos de nós mesmos, das diversas nuances que experimentamos nessa jornada heroica em direção ao Reino de Deus.

Mas precisamos deixar de ser protagonistas destas histórias, de nos esconder atrás de personagens para olhar para olhar bem dentro de nós e encontrar o verdadeiro Elias.

 

Precisamos deixar de viver uma ficção, uma farsa e partir em direção a um real encontro com Deus.

 

 

Estilos: 
Diversos: 

FALA COMIGO

Adaptação de “Minha Mensagem”, de Autor Desconhecido

Fundamentando-se nas estéticas da pantomima e do clown, esta esquete mostra um dia na vida de qualquer ser humano, onde Deus insistentemente se revela e o Homem nunca lhe responde.

As ocupações desse Homem não sufocam a sua voz, mas a sua própria negligência e vergonha o impedem de seguir uma vida cristã de comunicação com o Senhor.

Enquanto uns pecam pela negligência – como o Homem – e outros, pelo egoísmo – Chefe – de enxergar somente a si mesmo; encontramos na singeleza do Amigo um diálogo silencioso e sincero com Deus.

Estilos: 
Diversos: 

O VULTO DA MACAXEIRA

Peça indicada para festividades caipiras, comuns em Junho, Julho e Agosto.

Proposta: Referenciando à estética da telenovela, esta esquete tematiza os diversos medos que encontramos ao longo da vida - na infância, na juventude e na velhice - e as maneiras que encontramos para escondê-lo dos outros e de nós mesmos, gerando situações quase ridículas e patéticas de tão pueris.
Enquanto Lunga, Genoveva, Genonovo, Cremogema e Filó temem ser esquecidos, machucados e/ou ignorados e tentam chamar a atenção para si o tempo todo, não enxergam a dificuldade de Cremerildes e Genovéio em fazer com que o arraial que tanto planejaram aconteça conforme suas expectativas. Do mesmo modo, a estética do melodrama – presente nas radio e telenovelas, propagandas, etc e que se tornam referência para esta dramaturgia – procura lidar com nossos medos, mas explorando-os a fim de obter lucro.
Que todos possamos confiar no amor de nosso Deus, para que nossos temores não tomem conta de nossa rotina e, por fim, nos levem por escolhas que desagradam a Ele. Por mais que as situações pelas quais passamos pareçam bizarras ou sobrenaturais ao extremo, precisamos confiar Naquele que criou e conhece todas as coisas, por que tudo vem Dele e para Ele devolvemos.

 

Diversos: 

HOJE

Na sala de redação de um jornal, um dos trabalhadores é salvo. Ele expõe sua preocupação com a vida espiritual dos demais, e sofre o preconceito e zombaria por isso. É sua intenção publicar uma matéria falando sobre a implantação de CHIPs em humanos(Que ele entende ser o sinal da besta).
Em meio a atritos, gravidez de uma colegas, demissão... O ARREBATAMENTO.
Veja o vídeo
 

Estilos: 
Temas: 
Diversos: 

BIA E A MÁQUINA DO TEMPO

BIA, uma menina egoísta e desobediente. Se esconde da sua mãe na casa do seu vizinho Dr Compliclécio, criador da máquina do tempo.
De brincadeira, vai parar nos tempos que Jesus estava na Terra, onde ela aprende um pouco sobre agir bem, sobre espalhar as Boas Novas do Evangelho, sobre sua missão aqui na Terra...
BIA, DR. COMPLICLÉCIO, MÃE, JESUS, POVO, DEUS (off):

Estilos: 
Temas: 
Idades: 
Diversos: 

BRASILEIROS

Proposta: Com uma dramaturgia e encenação que ressalta a velocidade urbana com que vivemos hoje em dia, este peça pretende trazer à tona questões que permeiam a realidade brasileira: violência, medo, descrédito, apatia, conformismo.
Temos quatro personagens que representam diversas facetas de nós mesmos: aqueles que preferem pensar a agir, os que agem sem pensar, aqueles que pensam que os outros devem agir e aqueles que já agiram e vivem sem esperança de mudar.
Num universo dramático onde uma ação de uma personagem interfere de modo drástico na vida de outro, mesmo que ambos não se conheçam ou percebam a proximidade com que todos nós vivemos.
Somos uma nação, um povo de brasileiros, onde todos precisamos ter consciência do papel que podemos exercer me nossa sociedade, para podermos fazer a diferença, pois Deus nos convida para a interceder e agir em prol do bem coletivo.

O vídeo da peça está aqui

Estilos: 
Diversos: 

O CASAMENTO DE CREMILDES

O CASAMENTO DE CREMILDES O casamento de Genovéio e Cremerildes está próximo.

Eles pouco se ouvem ou se entendem
Genoveva, a mãe de Genovéio, vem da capital e faz pouco caso de suas origens sertanejas.
Filó tenta de fazer o casamento de Cremerildes por ela mesma, mas dá tudo errado.
Genovéio, Lunga e Cremerildes ansiosos e inseguros, querem tudo dê certo.
Genonovo, irmão de Genovéio, tenta tranquilizar todos...

 

Estilos: 
Diversos: 

UM NOVO BRASIL

Esquete que mistura de comédia com drama.
Expõe a realidade brasileira pelos olhos uma criança, propõe que nos voltemos para a inocência.
Fala da exigência da mudança individual, primeiramente.
Deus age individualmente e globalmente.O vídeo da peça está aqui.
Grupo: Ministério Yeshua de Artes Cênicas
Dramaturgia: Márcio M. Andrade

O vídeo da peça está aqui.

Estilos: 
Idades: 
Diversos: 

ISAÍAS 53

Imagem Principal: 

Baseada na passagem de Isaías 53, um narrador/observador mostra seu ponto de vista diante do sacrifício de Jesus no Calvário.

Interpretações extremamente densas tanto do povo, como do próprio Jesus; com os gestos e passos coreográficos expressando dor, opressão...

Através de um “cenário” humano caótico é mostrado o momento de extrema angústia interior...

 Quem quiser VER a montagem da peça ASSISTA AQUI: ISAÍAS 53

Cantor/Compositor: Ana Paula Valadão Bessa
Álbum: Esperança

Estilos: 
Temas: 
Diversos: 

NAMORADOS SA

NAMORADOS SA Proposta: Com a ideia de uma microempresa especializada em leilões de namorados criada por dois adolescentes desesperados por grana e um namoro fast-food.

Esta esquete visa tratar de um tema recorrente nos nossos dias: o paradoxo dos relacionamentos amorosos contemporâneos e a nítida falta de envolvimento emocional que a humanidade vem perpetuando.

O comércio do amor, ou dos relacionamentos ‘expressos’ e descartáveis tem expandido ao longo dos tempos e a única solução é reencontrarmos o caminho que o Senhor nos deixou: seu maior exemplo de amor, que dá sua vida pelos frutos de Seu amor.

Quão bom é esperar tudo o que o Senhor tem a nos oferecer.

Datas: 
Diversos: 

MÃE

MÃE - Teatro Cristão Além de uma mensagem sobre o amor de um filho pela sua mãe, essa pantomima equilibra passado e presente ao fazer os protagonistas relembrarem um passado de carinho e dedicação, mas que, pelas correrias do cotidiano, termina não surgindo através de palavras, gestos ou olhares.

Enquanto tantas mães esperam ansiosamente por aquela oportunidade única de estar ao lado de seus filhos, estes, por muitas vezes, deixam-se levar pelas obrigações com tantas outras pessoas e consigo mesmos e esquecem de passar alguns momentos ouvindo e compartilhando com a pessoa que foi e sempre será essencial para ele ser quem é.

Estilos: 
Diversos: 

LUCIFEIA

A música LUCIFEIA da Banda Resgate conta a história da ditadura da beleza imposta pela mídia(magreza, roupas e maquiagem);

Luci, na realidade, não é uma pessoa feia: ela, simplesmente, não segue os padrões impostos pela coletividade, mas se sente oprimida por conta de suas escolhas.

No final ela percebe que Cristo a ama do jeito que ela é, não por aquilo que aparenta ser.

Estilos: 
Diversos: 

VIDEOGAME

Vídeo Game - Teatro CristãoPeça do grupo "MINISTÉRIO YESHUA DE ARTES CÊNICAS", usando uma linguagem de VIDEOGAME.

 

A mensagem é passada por cenas, que mostram o inimigo tirando as alegrias das crianças, dificultando a entrega da mensagem da Salvação...

 

Esta é uma esquete, que lembra bastante a peça "O LADRAO DA ALEGRIA", com uma linguagem de video game.